Zeca do PT defende chapa Ayache/Gilda ideal para disputar prefeitura da Capital em 2016

O deputado federal Zeca do PT, defendeu nesta segunda-feira, durante entrevista ao programa Capital Meio Dia e ao portal Página Brazil, defende a chapa dos petistas Ricardo Ayache e Gilda dos Santos como ideal para disputar a prefeitura de Campo Grande no ano que vem.

Foto Paulo Francis
Foto Paulo Francis

“Acredito muito no Ricardo Ayache como prefeito e dona Gilda vice, que é uma mulher atuante, que luta pelas causas sociais, e é da militância”, diz ao reforçar que está pedido a alguns filiados para que ele seja o candidato. “É um nome forte, um belo nome. O Ayache tem a cara de Campo Grande. Precisamos popularizar a imagem do Ricardo ”, emendou.

O deputado contou que foi procurado pelo trio de vereadores do PT em Campo Grande (Alex do PT, Thais Helena e Ayrton do PT) para falar do desejo de tê-lo como candidato a prefeito e respondeu que não descarta, mas com algumas condições.

“Não tenho nenhum tipo de vaidade, estou prestes a completar 66 anos e não seria a hora de pensar em mim, sou um homem de projeto, sempre me pautei por propósitos, fui o primeiro deputado estadual de MS, e depois governador por duas vezes, sempre sendo um soldado do PT. Se depender de mim, Ayache e Gilda vão representar nossa bandeira em 2016”, afirma.

Zeca avalia que a disputa será muito boa diante da pulverização de candidatos. Ele diz acreditar que a família Trad terá candidato, “provavelmente o Marquinhos (Trad), assim como o PSDB, que deve indicar a vice-governadora Rose Modesto, que é uma pessoa espetacular, o André Puccinelli (PMDB), o ex-prefeito Alcides Bernal (PP) e até o atual, Gilmar Olarte (PP), o PDT também de lançar, lá tem Dagoberto (Nogueira) e os deputados estaduais”, computou referindo-se aos deputas Beto Pereira e Felipe Orro que já manifestaram desejo de disputar a prefeitura da Capital.

Paulo Francis com Jackson Nogueira

Comentários

comentários