WhatsApp diz que baniu conta de Flavio Bolsonaro por ‘comportamento de spam’

Portal G1

View image on TwitterO deputado estadual Flávio Bolsonaro (PSL), senador mais votado nas eleições deste ano, postou em suas redes sociais, na manhã desta sexta-feira (19), que teve o seu número de telefone banido “do nada” pelo WhatsApp. A empresa confirmou que a conta foi banida e alegou “comportamento de spam”.

“A perseguição não tem limites! Meu WhatsApp, com milhares de grupos, foi banido DO NADA, sem nenhuma explicação! Exijo uma resposta oficial da plataforma”, escreveu Flávio.

A assessoria de imprensa da empresa informou que o banimento “não está relacionado às denúncias de ontem (sobre a reportagem da Folha de S.Paulo). Outra conta ‘pública’ que foi banida por spam durante o período eleitoral foi o ‘Dilmazap, da campanha da ex-presidenta”.

Pouco depois, o senador eleito pelo Rio voltou a postar, dizendo que “o telefone, cujo WhatsApp foi bloqueado, é pessoal e nada tem a ver com uso por empresas”. E que já havia sido desbloqueado, “mas ainda sem explicação clara sobre o porquê da censura”.

A reportagem do jornal “Folha de S.Paulo” desta quinta relata casos de empresas apoiadoras de Bolsonaro que supostamente compraram pacotes de disparo de mensagens contra o PT por meio do WhatsApp. O candidato nega irregularidades.

Comentários