Voo da TAM que ia para SP retorna a Madri por suposta ameaça de bomba

O voo JJ8065 da TAM, que saiu de Madri nesta segunda-feira (14) com destino a São Paulo, retornou à cidade de origem por uma suposta ameaça de bomba. A companhia aérea diz que foi notificada pela Espanha e que está colaborando com as autoridades.

Imagem do site de monitoramento de voos Flight Radar mostra o trajeto do voo da Tam que retornou a Madri - Foto: Reprodução/Flight Radar
Imagem do site de monitoramento de voos Flight Radar mostra o trajeto do voo da Tam que retornou a Madri – Foto: Reprodução/Flight Radar

O voo saiu do Aeroporto de Madri-Barajas às 21h10 do horário local (18h10 pelo horário de Brasília) e deveria chegar às 5h25 desta terça-feira (horário de Brasília) no Aeroporto de Guarulhos em São Paulo.

De acordo com o Bom Dia São Paulo, caças fizeram escolta da aeronave até o aeroporto de Madrid, onde pousou em segurança. Houve revista com cães farejadores e algumas pessoas chegaram a ser interrogadas. Depois, os passageiros foram levados para um hotel. O retorno está previsto para as 15h desta terça-feira (15).

A TAM emitiu o seguinte comunicado:

A TAM Linhas Aéreas informa que foi notificada pelas autoridades da Espanha sobre suposta ameaça de bomba a bordo da aeronave que fazia o voo JJ8065 (Madri- São Paulo/ Guarulhos), na noite desta segunda-feira (14). O voo retorna neste momento para a capital espanhola. A TAM está colaborando com as autoridades.

G1

Comentários

comentários