Voltado para área social, Associação Filhos de Maria busca interação com comunidade

Padre Dirson Gonçalves, Reitor do Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. (Foto: Paulo Francis)
Padre Dirson Gonçalves, Reitor do Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. (Foto: Paulo Francis)

A Associação Filhos de Maria (AFIM), é responsável por cuidar de toda a parte social do Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, em Campo Grande. Com dois anos de atuação, a associação atende 24 instituições de caridade com doação de alimentos, produtos de limpeza, roupas, calçados, passagens e medicamentos.

O reitor do Santuário, padre Dirson Gonçalves, destaca que resolveu organizar o mesmo em áreas, sendo a pastoral responsável por cuidar de batizados, casamentos, catequeses, cursos, encontros, formação, entre outros e a social, onde atuam diversos profissionais voluntários como psicólogos, advogados assistentes sociais . “Nos fundamos a associação a dois anos para cuidar especificamente da área social, são mais de 20 instituições que nos atendemos, ajudamos famílias cadastradas e temos também a chácara de recuperação para dependentes químicos, enfim é uma área de atendimento bem ampla”, afirma o padre.

Atualmente 10 internos são mantidos pela chácara de forma gratuita, e segundo Dirson a meta é chegar a 30 internos, onde está sendo feito uma obra estimada em R$1,5 Milhão de reais. “Os recursos para as obras e manter os projetos vem de rifas de diversos produtos, inclusive já fizemos de automóveis, temos também uma casa dos doces onde as senhoras faz doce, pudim e bolos e leva lá como doação, nos vendemos e a renda é revertida para chácara e outras obras”, conta.

Um projeto novo que está sendo desenvolvido, será um grupo de senhoras que se reunirão duas vezes por mês na sede da associação para desenvolverem todos os tipos de artesanatos, esses produtos serão comercializados e renda será revertida para a chácara. Outro projeto é o de um grupo de universitários, de varias áreas de atuação, que de modo voluntário poderão estar repassando ao santuário e a comunidade um pouco do aprendizado adquirido em seu curso. No momento os projetos estão ainda em fase de divulgação e o cadastro dos interessados já estão sendo feitos.

O reitor frisa que é muito importante ajuda das pessoas da comunidade em geral para manter os a área social da igreja ativa, para isso basta comparecerem ao santuário, e procurar a sede da AFIM, onde terá um equipe para orientar e mostrar todo o trabalho desenvolvido.

O Santuário Nossa Senhora do Perpetuo Socorro fica localizado na Avenida Afonso Pena, 377 – Centro de Campo Grande. O telefone para contato é o (67) 3384-2818.

 Paulo Francis

Comentários

comentários