Voa alto, Urubu! Na volta de Guerrero, Fla vence Inter por 2 a 0 e continua líder do Brasileirão

Da ESPN

O público fez barulho. O Maracanã lotou. 60.182 pessoas presentes. Paolo Guerrero estava de volta, mesmo que no banco, após a suspensão por doping de seis meses. Flamengo e Internacional fizeram um jogo movimentado e o time carioca venceu por 2 a 0 em partida válida pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro.

Os gols do jogo foram marcados por Lucas Paquetá, cria da base flamenguista e Éverton Ribeiro.

Na próxima rodada, a quinta do campeonato, o Flamengo enfrenta a Chapecoense, em Santa Catarina, no domingo (13/05), às 16h. Antes disso, o Rubro-Negro tem confronto pela Copa do Brasil, contra a Ponte Preta, jogo da volta, em casa, após vencer por 1 a 0 em Campinas. Já o Internacional visita o Grêmio, no Grenal, sábado (12/05), às 16h

O jogo

O começo foi truncado, com os dois times dividindo o meio-campo. Aos oito minutos, a primeira chegada do jogo e foi do Inter. William Pottker recebeu cruzamento e bateu para fácil defesa de Diego Alves. O Colorado voltou forte aos 12. Fabiano cruzou da ponta direita e o centro-avante Leandro Damião cabeceou forte, no canto, para grande defesa do goleiro flamenguista.

O Flamengo não conseguia chegar com perigo até os 21 minutos. Em um bate-rebate dentro da área, Lucas Paquetá cabeceou e Rodinei chutou de primeira. Danilo Fernandes fez ótima defesa. Mesmo com amplo domínio na posse de bola, o Rubro-Negro não chegava com efetividade. Aos 38, Éverton Ribeiro rolou para Rodinei na direita. O lateral cruzou rasteiro e Henrique Dourado, de carrinho, chutou desviado. A bola passou perto da trave do Colorado.

No último minuto do primeiro tempo, foi a vez do Internacional responder. William Pottker cruzou na cabeça de Leandro Damião, que cabeceou alto e forte. Diego Alves espalmou para escanteio. Na metade inicial do jogo, placar zerado.

No segundo tempo, o Flamengo veio com tudo. Aos sete minutos, Geuvânio chutou rasteiro e Danilo Fernandes defendeu. Na sobra, Henrique Dourado não conseguiu completar para o gol. Aos 11 minutos, o retorno. Paolo Guerrero foi chamado pelo técnico Mauricio Barbieri e entrou na equipe flamenguista. No lance seguinte, Geuvânio tentou mais uma vez. Ele recebeu na ponta direita e chutou cruzado. A bola rodou a área e ninguém finalizou.

Guerrero teve a primeira chance aos 22. Em cobrança de falta, o atacante peruano chutou forte, mas ao lado do gol de Danilo Fernandes. Em nova falta, o gol flamenguista. Lucas Paquetá cobrou na barreira, mas no rebote chutou forte, no ângulo. Golaço de jogador da base do Flamengo. Aos 33, confusão. O Colorado ficou com um a menos. William Pottker foi expulso após dar uma cabeceada em Vinicius Jr. e aí uma discussão começou. Lucas Paquetá, pelo lado flamenguista e D’Alessandro, pelo Inter, eram os mais exaltados.

O Flamengo ampliou aos 41. Éverton Ribeiro aproveitou o contra-ataque da equipe e driblou dois colorados, antes de chutar no canto de Danilo Fernandes. O Inter até tentou descontar com Iago, que chutou forte para grande defesa de Diego Alves, mas o placar não mudou. 2 a 0 para o clube carioca.

Com o resultado, o Flamengo é o líder do Brasileirão e o Inter assume a décima segunda posição.

Comentários