Vinícius Junior entra em cena na ‘Operação Neymar’ no Real Madrid

Placar/JP

Vinícius é visto no PSG como o “AntiNeymar”, por seu bom comportamento (Foto: Reprodução/Instagram)

Segue a novela sobre o futuro de Neymar e agora com um novo personagem: Vinícius Junior. Jornais da Espanha noticiaram nesta quarta-feira, 14, que o jovem atacante revelado pelo Flamengo pode ser envolvido como “moeda de troca” para levar o astro do Paris Saint-Germain ao Real Madrid. As publicações, no entanto, divergem frontalmente sobre quem teria sugerido a inclusão de Vinícius no negócio.

Os diários de Madri, As Marca, cravam que foi o PSG, especificamente na figura do diretor de futebol e também brasileiro Leonardo, quem pediu que Vinícius Junior fosse envolvido no negócio. O atacante de 19 anos é visto como o “antiNeymar” fora de campo, pois demonstra humildade e bom comportamento, além de um potencial de crescimento enorme. De acordo com os jornais da capital, porém, a oferta foi imediatamente rechaçada pelo Real Madrid, que pagou 61 milhões de euros ao Flamengo por Vinícius.

O diário catalão Sport, por sua vez, informa que o presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, decidiu “sacrificar” Vinícius em nome de seu sonho antigo de ter Neymar. Essa teria sido a última cartada do maior campeão europeu, que já ofereceu outras valiosas moedas de troca como o croata Luka Modric, atual Bola de Ouro, o galês Gareth Bale e o espanhol Isco. Ainda de acordo com o jornal, o valor de Vinícius rondaria 70 milhões de euros e o Real Madrid se comprometeu a completar o restante da pedida do PSG, que rondaria os 200 milhões de euros.

Barcelona na briga 

Diversos jornais europeus, como o francês L’Équipe, no entanto, colocam o Barcelona como favorito a contar com Neymar. Na terça-feira, 13, o clube da Catalunha enviou uma comitiva à capital francesa para apresentar suas ofertas a Leonardo. Não houve acordo imediato, mas há otimismo dentro do Camp Nou.

Segundo o Sport, a simples ida a Paris teria foi um gesto simbólico do Barcelona para mostrar que está interessado no retorno do craque. Agora, o clube espera que Neymar posicione abertamente o seu desejo de retornar à Catalunha, o que espantaria qualquer chance de o atacante parar no rival Real Madrid.

Tal decisão, porém, esbarraria na vontade do próprio PSG, que, em um “plano de vingança”, fará de tudo para dificultar o retorno de Neymar ao Barcelona, de onde se arrependeu amargamente de ter saído. Todas as partes, no entanto, chegaram a uma conclusão depois que parte da torcida do PSG ofendeu Neymar no último jogo em casa: o ambiente para a permanência do brasileiro em Paris se tornou insustentável.

Comentários