Vídeo: PRF apreende 24,5 toneladas de maconha, recorde no País

Em abordagem de rotina, na BR487, km 09 em Porto Camargo, na divisa de Mato Grosso do Sul com o Paraná, na tarde de ontem (23), a PRF retirou de circulação quantidade recorde de maconha no País.

Policial rodoviário federal retira maconha de carga de milho; droga saiu de Amambai (Foto: Divulgação/PRF)
Policial rodoviário federal retira maconha de carga de milho; droga saiu de Amambai (Foto: Divulgação/PRF)

A pesagem, feita em Guaíra (PR), foi concluída à noite e a carga totalizou 24.572 quilos – três acima da maior apreensão até então, feita pela PRF em 2010, em Santa Terezinha de Itaipu (PR), quando 21,5 toneladas de maconha foram apreendidas.

O carregamento desta segunda estava escondido em uma carga de milho a granel, transportada numa carreta bitrem que tinha saído de Amambai, na fronteira do Brasil com o Paraguai, e seria levado para a região de Paranavaí (PR).

Nota de Soja chamou atenção

Depois de realizarem a abordagem ao caminhão, os PRFs examinaram a nota fiscal que apontava o transporte de soja. Porém, durante a fiscalização, grãos de milhos começaram a cair pela lateral da carreta, o que chamou a atenção dos policiais 

O grupo de policiamento com cães da PRF, que estavam no local, foi acionado. Quando o primeiro cão foi solto sobre a carga, ele logo deu sinais que havia farejado a droga. O segundo cão teve a mesma reação. A partir deste momento, os policiais retiraram a lona das carretas e descobriram a grande quantidade da droga, a qual estava a poucos centímetros abaixo da carga. Quando abriram uma das laterais do veículo, o milho que cobria o entorpecente caiu sobre a via, revelando a grande quantidade de maconha.

O motorista da carreta confessou que sabia da maconha na carga. Ele disse aos policiais que tentou passar pelo posto da PRF durante a forte chuva que caía na região na tentativa de não ser parado na barreira.

Comentários

comentários