Verstappen dispara contra pilotos que o ultrapassaram antes do Q3

Gazeta Esportiva.com

Max Verstappen garantiu a quinta posição do grid do GP de Xangai no treino classificatório deste sábado, porém o holandês irritou-se com o comportamento de alguns de seus adversários. Depois de desacelerar com o objetivo de se distanciar dos pilotos que estavam à sua frente e então poder aquecer melhor seus pneus, Verstappen foi ultrapassado por Sebastian Vettel, Daniel Ricciardo e Nico Hulkenberg. Assim, o espaço reduziu-se ainda mais e o o piloto da RBR não conseguiu preparar a abertura para a volta rápida, que nem aconteceu por falta de tempo.

“Eu estava tentando ser legal. Estávamos apenas pilotando em formação e de repente… Eles estragam toda a sua volta, mesmo que seja uma regra não escrita de que você apenas segue um ao outro. Mas isso não importa, eu vou estragar a classificação deles a partir de agora também”, reclamou o holandês ao canal de televisão conterrâneo Ziggo Sport.

Mesmo com o episódio desagradável, Verstappen ficou contente com o desempenho de seu carro. O piloto acredita que poderia ter conseguido uma posição ainda mais privilegiada caso tivesse feito uma preparação mais adequada para a última tentativa de volta rápida.

“Nós poderíamos ter feito melhor, mas você não pode fazer uma segunda tentativa, para por aí. O carro parecia bom. Em termos de ritmo estamos lá, vai ser um domingo interessante”, analisou Verstappen.

Christian Horner, diretor esportivo da RBR, também demonstrou sua insatisfação com o comportamento de Vettel, Ricciardo e Hulkenberg e ainda disse que acredita que Verstappen tinha plenas condições de conseguir uma das vagas ocupadas pela Ferrari na segunda fila.

“Max estava numa boa posição, mas Sebastian o passou por fora, então ele tirou o pé para não pegar o ar sujo de Sebastian, então os Renaults passaram por ele e ele ficou para trás novamente e, infelizmente, o relógio estava correndo do jeito que estava, e ele não chegou à linha de chegada a tempo. É uma pena, porque teria sido uma boa oportunidade para tentar melhorar. Acho que poderíamos ter feito a segunda fila hoje”, afirmou o diretor.

Comentários