Vereadores votam cinco Projetos e um Veto do Executivo nesta quinta-feira

Os vereadores da Câmara de Campo Grande votam cinco PLs (Projetos de Lei) e um Veto do Executivo na sessão ordinária desta quinta-feira (8). A maioria da matérias são de propostas para autorizar a prefeitura a realizar ações e ou projetos no município nas áreas de eventos, Educação e Saúde

Em única discussão e votação os parlamentares analisam o Veto Total ao Projeto de Lei Complementar n° 493/16, que assegura como item obrigatório na cesta básica a inclusão de escova dental infantil e adulta, creme dental e fio dental no município. A proposta foi apresentada pelo vereador Ayrton Araújo do PT.

Já em segunda discussão e votação serão votados três Projetos. O PL 8.027/15, de autoria da vereadora Luiza Ribeiro, quer denominar área verde situada entre as ruas da Prata, Lino Villachá e Avenida Cândido Garcia de Lima, no bairro Nova Lima.

Também o Projeto de Lei n. 8.336/16, que autoriza o Poder Executivo a criar um local adequado destinado a eventos de som automotivo e encontro de motociclistas no município. A proposta é de autoria dos vereadores Coringa, Otávio Trad e ainda de Eduardo Romero, que também tem na pauta o PL 8.384/16, que declara de utilidade pública municipal o “Instituto Arara Azul”, com sede em Campo Grande.

Por fim, em primeira discussão e votação os vereadores votam outros dois Projetos. O PL 8.034/15, de autoria do vereador João Rocha, dispõe sobre a inclusão da disciplina de educação para o trânsito no currículo das escolas da Rede Municipal de Ensino. E o PL 8.386/16, outro autorizativo de Rocha ao Poder Executivo, é para assegurar a prevenção, detecção e tratamento dos cânceres do colo uterino e de mama às mulheres com deficiência, no Sistema Único de Saúde – SUS, no âmbito do município.

Serviço – A sessão começa às 9h no Plenário Oliva Enciso, na sede da Casa de Leis, localizada na avenida Ricardo Brandão, n. 1.600, bairro Jatiúka Park.

Comentários