Um morre e outro é baleado no Los Angeles em briga de facções

Um homem com aproximadamente 33 anos morreu e um rapaz de 22 anos foi baleado em uma casa na Rua Euzébio de Queiroz, Jardim Los Angeles, em Campo Grande, na manhã desta quinta-feira (13). A polícia suspeita que o crime seja resultado de briga entre facções.

Perícia analisa carro encontrado na frente do local do crime (Foto: Gabriela Pavão/ G1 MS)

Nenhuma das vítimas foi identificada, o morto foi encontrado na entrada de um dos quartos, com ferimentos provocados a bala na cabeça e também no rosto.

De acordo com o cabo Zeferson Martinez, da Polícia Militar (PM), o sobrevivente contou que havia sido sequestrado e estava em cárcere na casa há três dias. Nesta manhã, ele reagiu, lutou com a pessoa que o cuidava, a desarmou e atirou.

O rapaz foi encaminhado para atendimento médico por conta dos ferimentos. Ele disse ainda aos policiais que os sequestradores o acusava de integrar outra facção e que ouviu que iriam dar “xeque-mate” nele.

A polícia suspeita também que o imóvel tenha sido invadido porque o cadeado e o portão estão arrombados. Há várias marcas de tiros na casa.

Um carro estacionado em frente ao imóvel foi periciado e nele encontrado um carregador com 10 munições e uma porção de maconha.

Um dos sequestradores foi visto ontem, em frente ao imóvel, nervoso, tentando informar para comparsa, por telefone, o endereço do cativeiro. Caso será apurado por investigadores da Polícia Civil.

Comentários