UFC avisa lutadores sobre os ‘perigos do Rio’: favelas, prostuição e AIDS

O UFC retorna ao Rio de Janeiro, no próximo sábado (01), pela sexta vez em sua história. Mas nem mesmo as constantes visitas à Cidade Maravilhosa fizeram com que algumas preocupações com a segurança dos atletas fossem diminuídas. Apesar de durante as outras edições no Rio nenhum lutador reclamar de problemas na cidade, o UFC alertou seus funcionários sobre favelas, AIDS e prostituição.

UFC 190 acontece no dia 1º de agosto, na HSBC Arena, no Rio. Foto: Reprodução
UFC 190 acontece no dia 1º de agosto, na HSBC Arena, no Rio. Foto: Reprodução

Através de um documento oficial enviado a todos os atletas, a Zuffa – empresa que controla o UFC – exige que os atletas não deixem o hotel sozinhos e pede que sejam evitados encontros em boates pelo risco de contrair AIDS.

“A Zuffa está obrigando todos os funcionários do UFC a não deixar o hotel, exceto para funções relacionadas ao evento, ou a menos que haja circunstâncias extremamente importantes. Você precisará da aprovação de um supervisor e é necessário que ele saiba o seu paradeiro exato”, diz um dos trechos do comunicado.

“Evite sair marcando encontros em boates, no hotel ou em qualquer lugar. Você pode ser a isca para um ladrão. Existe uma alta incidência de AIDS entre as prostitutas e um número considerável também entre as menores de idade. Sempre fique de olho nos seus drinks“, completa.

Confira abaixo a transcrição completa do documento enviado pelo UFC aos atletas:

UFC alerta lutadores sobre ‘os perigos do Rio de Janeiro’:

A Zuffa está obrigando todos funcionários do UFC a não deixar o hotel, exceto para funções relacionadas ao evento, ou a menos que haja circunstâncias extremamente importantes. Você precisará da a aprovação de um supervisor e é necessário que ele saiba o seu paradeiro exato, precisamos saber onde estão os lutadores o tempo todo

É importante ter em mente:

• Por causa da favela do Vidigal, é preciso ter extremo cuidado ao chegar e ao sair do Rio Sheraton. Não saia do hotel a pé, use as vans do UFC.

• Segurança extra será fornecida para o nosso grupo dentro do hotel e para as chegadas e partidas programadas, bem como sobre as vans e ônibus fretados do UFC.

• Nunca abra a porta do quarto do hotel até que você confirme quem está do outro lado através de seu olho mágico ou ligando para a recepção do hotel. Tranque as portas por dentro e você também pode utilizar uma cunha de borracha, que estará dentro do quarto do seu hotel para ajudar a prevenir uma entrada forçada. (Isso porque um pequeno hotel em Santa Teresa foi tomado por bandidos no mês passado, que foram de quarto em quarto com uma chave mestra e roubaram todos os hóspedes).

• Só carregue o que você precisa. Pouco dinheiro (local), Nada de joias, eletrônicos, câmera, etc .

• O risco de crime é maior à noite, mas pode ocorrer a qualquer hora do dia ou da noite.

• Nunca resista aos criminosos, eles poderão não hesitar em usar a força. Resistir a um assalto normalmente gera uma lesão grave ou morte.

• Fique longe de todas as favelas (Empresas privadas oferecem passeios que não são seguros e devem ser evitados).

• Fique longe das praias a noite e de manhã cedo.

• Nunca saque dinheiro na rua.

Áreas para serem evitadas:

• Qualquer favela ou redondezas,

• Santa Teresa é muito divulgado para turistas, mas existe um alto nível de criminalidade na área.

• Lapa é conhecida pela sua vida noturna e boates, mas também tem a maior taxa de criminalidade e deve ser evitada.

• Evite sair marcando encontros em boates, no hotel ou em qualquer lugar. Você pode ser a isca para um ladrão. Existe uma alta incidência de AIDS entre as prostitutas e um número considerável também entre as menores de idade.

• Sempre fique de olho nos seus drinks.

• Leblon, Ipanema e Copacabana são os bairros mais seguros da cidade.

TERRA

Comentários

comentários