Uems Campo Grande é ocupada e aulas são suspensas

Foto Ilustrativa
Foto Ilustrativa

Na noite desta segunda-feira (7), estudantes da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) ocuparam a unidade de Campo Grande. O movimento de ocupações, que protesta contra medidas conduzidas pelo Governo Federal como a PEC 241 (55 no senado) e a reforma do Ensino Médio, por exemplo, é nacional e já alcança escolas e universidades de todas as regiões do Brasil.

Por conta do movimento, as aulas estão temporariamente suspensas na Unidade. No entanto, as atividades administrativas regulares estão sendo realizadas sem impedimento. Também estão mantidas as atividades acadêmicas de estudante em fase de conclusão de curso, a fim de preservar o calendário de colações de grau.

Assim como vem ocorrendo na UEMS de Paranaíba, a reitoria tem mantido contato e permanecido atenta tanto às demandas dos estudantes participantes do movimento, quanto às daqueles que defendem o restabelecimento das aulas regulares e manutenção do calendário acadêmico, em busca da resolução mais equânime possível.

Cabe à UEMS nesse momento, bem como a todos os direta ou indiretamente envolvidos na ocupação, preservar canais abertos de diálogo, entre estudantes e gerência da Unidade, entre os estudantes e a reitoria e, principalmente, entre os próprios estudantes, a fim de preservar o caráter democrático da manifestação e preservar também o direito de expressão dos que são contrários à mesma.

Em Campo Grande, as aulas no Núcleo de Ensino de Línguas (NEL) e dos projetos do Arelim (Assessoria de Relações Internacionais e Mobilidade Acadêmica) serão mantidas.

Comentários

comentários