Túmulo é violado e corpo é retirado de caixão; Polícia Civil investiga

Jefferson Parreira

Túmulo foi aberto na madrugada do último dia 28 (Foto: Polícia Civil/Divulgação)

A Polícia Civil de Rio Brilhante investiga a violação de um túmulo que teve o cadáver retirado, após denúncia recebida nesta terça-feira (30), feita pela procuradora jurídica da prefeitura. O caso ocorreu no Cemitério São Judas Tadeu, localizado na rodovia BR-267, na madrugada do dia 28.

Conforme informações policiais, o administrador do cemitério encontrou a sepultura aberta, o caixão quebrado e o cadáver, que foi sepultado há três anos, ao lado do túmulo.

De acordo com o delegado responsável, Andre Luiz de Mendonça Fernandes, o caso será investigado para saber quem foram as pessoas que cometeram a violação e para quais fins.

”O que a Polícia que esclarecer é se o fato se trata de um caso isolado de vandalismo e o túmulo foi escolhido aleatoriamente ou se quem cometeu o crime estava disposto a violar aquela sepultura especificamente”, explicou.

Esse foi o primeiro caso registrado na cidade, que fica a 166 quilômetros de Campo Grande.

Comentários