Trégua curta: Saraiva volta a pedir que Câmara não vote projetos de Bernal

O vereador Aírton Saraiva (DEM) voltou a requerer que “a Câmara Municipal não vote nenhuma proposição do prefeito Alcides Bernal (PP) enquanto os requerimentos feitos pela Casa ao prefeito continuarem sendo ignorados”.

Foto Silvio Ferreira
Foto Silvio Ferreira

À fala do vereador, o presidente da Câmara, Prof.João Rocha (PSDB) afirmou que “na reunião que teve com o prefeito na manhã desta terça-feira (01/12), entre os compromissos firmados pelo prefeito estão as respostas à Casa” em tempo hábil e oportuno e que a Casa, por sua vez contribua também com a celeridade possível nos trâmites de propostas do Executivo”.

Nesse momento, um popular que assistia à sessão, gritou, bastante exaltado: “E o senhor acreditou nisso?”

Diplomático, João Rocha agradeceu “a presença do cidadão, mas lembrou que o regimento interno da Casa proíbe manifestações que não seguem o rito da Casa”.

Depois da fala do presidente, o vereador Alex do PT, chamou de “afronta do prefeito que, de forma irresponsável, acusa os vereadores de golpistas. Essa é a atitude de um prefeito completamente isolado, que mesmo recebido de forma elegante pelo presidente desta Casa, tenta intimidar os integrantes desta Câmara”.

Depois da fala do vereador petista, o presidente João Rocha decidiu encerrar a sessão e convocou os vereadores para uma reunião à portas fechadas.

Comentários

comentários