Tráfego sobre o rio Dourados é alterado a partir de hoje para reforço na ponte

A partir desta segunda-feira (22) o tráfego sobre o rio Dourados vai acontecer no método pare e siga. A CCR MSVia, concessionária que administra a BR-163, realizará obra avaliada em R$ 3 milhões para reforço na superestrutura da ponte.

Entrada no local da obra é bastante restrito decorrente ao elevado risco de acidentes. – Crédito: Vinicios Araújo/Dourados News.

Segundo apurado pelo Dourados News, o local foi sinalizado a um quilômetro de distância do ponto onde ocorrem os trabalhos. Placas, cones e servidores orientam os motoristas para atenção extra durante o trecho.

Na ponte, profissionais treinados realizam os primeiros trabalhos na estrutura e o acesso por lá é bastante restrito devido ao risco de queda de resíduos e afogamento.

O lado da pista ao sentido norte está interditado e deve ser demolido durante a obra. A estimativa é de que os trabalhos durem dois meses, mobilizando mais de 40 operários.

E para garantir a segurança dos trabalhadores e dos motoristas, a velocidade permitida foi reduzida a 40 quilômetros por hora. O monitoramento deve ser reforçado por meio de câmeras e equipes de patrulhamento da Polícia Rodoviária Federal.

O pare e siga foi antecipado para o período da manhã, tendo iniciado por volta das 9h30. A programação, segundo apurado com servidor da CCR, previa alteração do tráfego a partir da tarde.
O tempo de espera no bloqueio dura em torno de dez minutos, tendo provocado congestionamento de aproximadamente 500 metros nas primeiras interrupções.

Comentários