Thiago Maia contradiz presidente e processa o Santos

Gazeta Esportiva.com

Thiago Maia processa o Santos (Foto: Divulgação)

Thiago Maia contradisse o presidente José Carlos Peres e entrou com um processo contra o Santosnesta semana. A cobrança é de R$ 18.1 milhões. A informação foi inicialmente publicada pelo Lance. 

Na última terça-feira, em reunião do Conselho Deliberativo, Peres elogiou a postura do volante do Lille-FRA justamente por não processar o Peixe. O motivo seria a vontade de retornar.

“Thiago Maia o Bertolucci (Giuliano, empresário) vendeu, emprestou como pessoa física e recebeu como jurídica. Tentou descaracterizar o banco. Esse jogador foi vendido certinho, trabalhou direito, vendeu, recebeu comissão e o contrato dava para ele a obrigação do Santos pagar, mesmo que não participasse. Jogador foi vendido para o Lille, pegaram uma bolada e não deram um centavo para ele. Tinha direito a 28%, fizeram acordo para pagar 10% e nada. Hoje está em R$ 13 milhões (sic). Tem que aplaudir ele. Tenho no whatsapp e ele falou que nunca processaria. Disse que quer jogar de novo. Se eu puder trazer, eu trago”, disse o presidente.

Thiago tem 21 anos e foi vendido em julho de 2017 por 14 milhões de euros (R$ 51 mi, à época). A dívida com o volante foi acrescida de juros e variação cambial. No Lille, o meio-campista não é titular, mas joga com frequência.

O Santos não foi notificado e por isso ainda não se pronuncia oficialmente. O departamento jurídico do Peixe soube da ação por meio de consulta online.

Comentários