Terceira vítima de acidente na BR-163 é encontrada morta dentro de carro

Da Redação/JN

O acidente ocorrido na tarde de quinta-feira (13), na BR-163, em Campo Grande, matou três pessoas. Duas vítimas morreram carbonizadas logo após a colisão e a terceira foi encontrada morta no começo da noite.

Veículos envolvidos no acidente na BR-163 (Foto: Dyego Queiroz/G1 MS)

O acidente foi um engavetamento entre duas carretas, um caminhão-baú e um carro de passeio. O último veículo bateu em outros que estavam parados na via por conta de obras na rodovia.

Segundo o Corpo de Bombeiros, os primeiros óbitos confirmados foram do motorista da carreta que colidiu por último no engavetamento e de ocupante do carro que ficou prensado. A terceira vítima também estava no veículo menor.

O condutor da outra carreta foi socorrido pela concessionária que administra a rodovia, mas não sofreu ferimentos. Já o motorista do caminhão-baú recusou ajuda.

Com a colisão, o carro de passeio ficou destruído pelo fogo. As chamas ainda queimaram a traseira de uma carreta e consumiram a cabine da outra. Funcionários da CCR MSVia disseram que sinalizaram para o motorista da última carreta diminuir a velocidade por causa do sistema de pare e siga, mas ele pode ter dormido ao volante ou estava distraído.

O motorista da outra carreta, que não se feriu, era colega de trabalho do caminhoneiro que morreu carbonizado. “Somos da mesma empresa. Tínhamos acabado de almoçar. Saímos de Paranaguá (PR) com destino a Rondonópolis (MT). Eu vi o caminhão-baú com o pisca alerta ligado. Eu estava parado também quando a carreta de trás chegou e bateu. Só ouvi o barulho de explosão”, contou sem se identificar.

As duas carretas envolvidas no acidente estavam carregadas com cloreto de potássio. Para conter as chamas, os bombeiros usaram uma carreta com 27 mil litros de água e um caminhão com mais 5 mil litros.

Comentários