Técnico de enfermagem morto no HR procurou a polícia para denunciar ameaças

O técnico de enfermagem Marcio Monteiro dos Santos de 36 anos, que foi encontrado morto em uma sala do Hospital Regional Rosa Maria Pedrossian, na manhã desta quinta-feira (30), teria procurado orientação e ajuda da direção do hospital, mas nada foi feito. Ele estaria passando por uma separação conturbada e vinha sofrendo ameaças do atual companheiro da ex-mulher.

O corpo do homem foi encontrado na ala da farmácia de quimioterapia, na manhã desta quinta-feira, e há indícios de que ele tenha usado grande dose de tranquilizante para forçar um suicídio. A porta do local estava trancada por dentro e Marcio caído no chão.

Marcio chegou a registrar um boletim de ocorrência na polícia na última segunda-feira (27). Ontem, ele retornou à polícia dizendo que as ameaças continuavam.

O caso foi registrado como morte a esclarecer na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) da Vila Piratininga.

Comentários

comentários