Tabagismo: Empatada com BH, Campo Grande é a quinta capital com maior número de fumantes do país

Fonte: Agência Brasil

Um pódio nefasto, no qual Campo Grande ocupa o quinto lugar, empatado com Belo Horizonte, entre as cidades com maior frequência de fumantes maiores de 18 anos, segundo a pesquisa da Vigitel 2018 (Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças crônicas por Inquérito Telefônico), divulgada na última quinta-feira (25).

Foto: Marcelo Camargo | Agência Brasil.

De acordo com o levantamento, a 10,8% da população da Capital é fumante, assim como em Belo Horizonte. Isso as cidades atrás apenas de Florianópolis (11,2%), Curitiba (11,4%), São Paulo (12,5) e da “campeã” Porto Alegre (14,4%).

Entre a população masculina, a Cidade Morena está em pé de igualdade com São Paulo, com índice de 15,6% da população fumante. À frente destas cidades, está apenas Porto Alegre, com 17,3% da população masculina fumante.

Já entre as mulheres, a Capital ocupa o 6º lugar, com 6,6% de fumantes entre esta população, ficando atrás de Belo Horizonte (7,4%), Florianópolis (7,4%), Rio Branco (8,3%), Curitiba (9,5%), São Paulo (9,8%) e Porto Alegre (11,9%).

Campo Grande também se saiu mal em outros indicadores, como o de quantidade de cigarros fumados por dia: 2,6% da população geral (4,1% da masculina e 0,3% da feminina) fumam pelo menos uma carteira de cigarros diariamente, ou seja, 20 unidades. Isso dá à cidade a quarta colocação entre as cidades brasileiras.

Fumantes passivos
A Vigitel também traz os dados sobre fumantes passivos, ou seja, não-fumantes que convivem no mesmo domicílio com pessoas que fumam e que, por isso, estão sujeitas aos mesmos danos à saúde. De acordo com o levantamento, 5,7% da população entrevistada encontram-se nesta condição, o que seria o segundo menor índice entre as capitais. A cidade está empatada com Curitiba, Florianópolis, que ficam atrás apenas de Palmas (TO), com 4,7% de fumantes passivos.

Já no local de trabalho, 6,7% dos entrevistados de Campo Grande declararam serem fumantes passivos em locais de trabalho, o que coloca Campo Grande à frente de 13 capitais e empatada com São Paulo, que apresenta o mesmo índice.

Comentários