Sul-mato-grossense “some” em iate na Malásia e família oferece recompensa

Lucas Soares Bondezan, 24, que tem família residindo no distrito de Indápolis, em Dourados, desapareceu junto a outras três pessoas que estavam em um Iate na costa do do estado de Penang, na Malásia, segundo o jornal Free Malaysia Today.

sea

A família do rapaz está no país asiático tentando resolver a situação e chegou a oferecer recompensa por notícias dele, conforme o jornal.

O “UN1K”, iate a qual o jovem estava pertence ao Francês Pascal Vu Anh-Quan, de acordo com a publicação local deixou Langkawi, no estado de Kedah na Malásia, com destino a Singapura, às 19h (horário local) do dia 15 de setembro.

Na embarcação, haviam quatro pessoas a bordo. As autoridades acreditam que um incêndio tenha iniciado no motor e causado uma explosão que teria ocorrido na manhã de sexta-feira (16).

As outras três pessoas, identificadas como Novak Novakovic, 28, da Sibéria, Rudolf Kolic, 61, da Croácia e Jaroslav Horejsek, 37, da República Tcheca, ficaram feridos no acidente e foram resgatados por um pescador local, que levou as vítimas a um hospital na região.

Horejsek foi transferido para um hospital em Langkawi para realizar cirurgia em uma perna quebrada. Os outros foram atendidos e dispensados, já que possuíam ferimentos de menor gravidade.

Comentários

comentários