Simone comemora lei que recompensa cidades pela construção de hidrelétricas

Agência Senado/JN

Ela lembrou que a partir de agora, 65% desses recursos irão para os municípios, ficando o restante para os estados e a União.

A senadora Simone Tebet (PMDB-MS) destacou a sanção pelo Presidente da República de lei que altera a forma de dividir a compensação financeira pela construção de usinas hidrelétricas.

Senadora Simone Tebet (MDB-MS) (Foto: Agência Senado)

Ela lembrou que a partir de agora, 65% desses recursos irão para os municípios, ficando o restante para os estados e a União. Assim, serão beneficiados os 727 municípios, de 21 estados, que são sede de hidrelétricas ou que foram alagados pela sua construção.

A senadora ressaltou o papel do Senado e da Câmara dos Deputados na edição dessa lei, que, segundo ela, terá impacto positivo para 42 milhões de pessoas, que sofrem com problemas ambientais, sociais e econômicos.

“Neste momento onde todos estamos abalados por escândalos, onde a política está no rodapé das páginas dos jornais e muitas vezes somente nas páginas policiais, é importante que a população brasileira saiba que o Congresso Nacional trabalha a favor dos estados, a favor dos municípios, a favor da população”.

Comentários