Seis adolescentes são apreendidos por ligação com estupro e morte

Seis adolescentes, entre 14 e 17 anos, foram apreendidos durante a tarde deste domingo (1°) em Dourados, distante a 225 quilômetros da Capital, após serem suspeitos em participar na morte de Carolaine Espíndola, de 22 anos.

Foto – Osvaldo Duarte, Dourados News

Dois garotos teriam estuprado a mulher, enquanto outros quatros teriam participado na morte da mulher. O corpo da garota foi encontrado em um canavial na Aldeia Bororó, em uma reserva indígena.

Conforme o boletim de ocorrência, no sábado (31), todos participavam de uma festa com bebida alcoólica na aldeia e em um determinado momento adolescente mais velho perseguiu e arrastou a vítima para um canavial.

Ele tirou a calça e a calcinha que a jovem vestia e então o garoto de 14 anos a estuprou, seguido pelos demais. O menino voltou a violentar a jovem, apertou o pescoço dela até que morresse e teria dito aos demais: “Agora já era”.

O mais velho dos garotos então jogou a calça da jovem sobre o corpo e todos fugiram do local. Na manhã de domingo, pessoas que passavam pelo local encontraram o cadáver e acionaram a polícia.

Perto do local os policiais abordaram três pessoas, uma delas o adolescente mais velho, o qual confessou o envolvimento, e uma garota de 17 que havia conseguido fugir do grupo. Os demais foram localizados em seguida.

O suspeito mais velho tinha uma lesão na boca, que disse ter sido uma agressão da irmã. No entanto, os demais garotos contaram à polícia que ele havia sido mordido pela vítima.

Comentários