Secretária recebe telefonema e por pouco não cai em golpe do falso sequestro

Na manhã desta terça-feira (18), a secretária Ana Paula Sandim (38), foi mais uma vítima do “falso sequestro”. Ela recebeu em seu local de trabalho uma ligação, do outro lado da linha uma voz feminina de criança, afirmando que tinha sido sequestrada.

“Mãe, mãe, ele me pegou, está armado”, dizia a pessoa do outro lado da linha, em prantos, se passando pela filha da secretária.

Logo em seguida, um homem entrou na conversa e fez ameaças para Ana, afirmando que estava com a filha dela e que se chamasse alguém, mataria a filha dela.

“Encontrei sua filha na rua e ela está aqui comigo, no carro, se você chamar alguém vou furar o olho dela, vou matar ela”, disse o homem.

Assim que recebeu a ligação, Ana percebeu que podia ser um golpe e colocou a ligação no viva voz. Amigos que estavam juntos no momento em que recebeu o telefonema perceberam que tratava-se do famoso golpe de sequestro.

Mesmo com o susto e nervosa, Sandim entrou em contato com a filha e teve a certeza que se tratava de um golpe.

 

Comentários