Santa Casa notifica a prefeitura para pagar dívida de R$ 13 milhões e regularizar contrato

A Santa Casa de Campo Grande entregou uma notificação extrajudicial ao prefeito Alcides Bernal, às 15 horas desta terça-feira (3), no Paço Municipal. O motivo é uma dívida de R$ 13 milhões do executivo com o hospital. O prazo para atendimento das exigências é de 72 horas a partir do recebimento do documento. Em caso de descumprimento, o hospital promete acionar judicialmente a prefeitura.

Tesoureiro da Santa Casa, Joelson Chaves de Brito Foto Paulo Francis
Tesoureiro da Santa Casa, Joelson Chaves de Brito Foto Paulo Francis,

Segundo o tesoureiro da Santa Casa, Joelson Chaves de Brito, entre os itens que constam na notificação, o primeiro é que a prefeitura regularize os pagamentos pelos serviços prestados pelo hospital, desde o dia 7 de setembro, quando venceu o último contrato entre hospital e prefeitura.

Por último, segundo ele a direção do hospital pede que o impasse seja resolvido, com a assinatura de um contrato com tempo maior de vigência, definição de critérios dos serviços prestados, além de condições do contrato e taxas de reajuste.

O tesoureiro conta que alguns médicos estão em greve, pois não receberam os honorários e entraram com uma ação na Justiça pedindo o sequestro dos bens da Santa Casa para que os mesmos recebam seus pagamentos.

Paulo Francis

Comentários

comentários