Rose anuncia que MS conseguiu Núcleo com estrutura para Fronteira e mais R$ 100 milhões

rosemeiodiaA vice-governadora Rose Modesto, que retornou ao cargo a menos de um mês, após a disputa da prefeitura de Campo Grande, não reassumiu a Secretaria de Cidadania e Assistência Social, mais intensificou sua função para até desenvolver a titularidade em representação do Estado em diversas agendas de reuniões em Brasília. Os compromissos na Capital Federal em nome do governador Reinaldo Azambuja abrangeram pautas de extrema importância como a Segurança Pública na fronteira, negociação de recursos da chamada repatriação de dinheiro do exterior e sobre o alargamento da dívida dos Estados, a ser discutida e definida pelo Governo Federal e Congresso Nacional. Rose anunciou e ressaltou que a atual gestão conseguiu efetivar que o Estado receba a instalação do Núcleo de inteligencia das Fronteiras e tenha repassado R$ 100 milhões de aporte do retorno das verbas repatriadas.

Rose afirmou que o Núcleo era um compromisso do Governo Federal que será efetivada ainda este ano. “Estivemos na agenda para ratificar o cumprimento da instalação do Núcleo de inteligencia das Fronteiras, que havia sido programado para entrar em funcionamento até dezembro. Assim, fomos ratificar o compromisso de Brasília em instalar a base e estrutura em MS, e já ver, marcar questão de datas e investimentos na área. Teremos aumento de policiais, com a presença constante da Força Nacional, dos recursos financeiros e humanos para combater os três principais crimes na nossa extensa área fronteiriça, que entram, se instalam e propagam no Estado e País com tráficos de drogas, armas e até pessoa”, mencionou Rose com mais detalhes que podem ser acompanhados em vídeo gravado a reportagem.

A vice governadora esteve reunida com o presidente da República, Michel Temer e seus ministros tratando sobre os recursos da repatriação que avançou e foi incluído até juros, que fizeram e devem chegar pelo menos a uma centenas de milhares de real. “Os recursos envolvendo agora também o valor das multas, que vinha sendo ou tendo um embate jurídico que foi superado e incluído, no entendimento do debate político. A União agora reconhece que há compromisso com esse valor e fechamos em quase R$ 100 milhões a mais que virá para MS. Todo esse recurso será investido em três principais área da Educação, Saúde e também na própria Segurança Publica de abrangência do Estado”, disse.

Rose detalha em nosso vídeo como e onde está sendo planejado o investimento dos novos recursos. “Temos já visto planejado ou que necessitam de recursos para se finalizar obras e que terão prioridade de onde o governo do estado já fez ou ainda tem que honrar compromissos assumidos, como a participação na conclusão do Hospital do Trauma em Campo Grande, dentre outros”, apontou.

Assista ao vídeo e confira a mais detalhes repassados pela vice-governadora.

Comentários