Robinho joga hoje, mas não descarta deixar o Santos mesmo livre do Milan

O atacante Robinho rescindiu contrato com o Milan e terá “passe livre” no início de julho. No entanto, a liberdade do camisa 7 não quer dizer que ele ficará no Santos após o término de seu empréstimo com o clube paulista no dia 30 de junho.

Robinho está confirmado contra o Maringá, nesta quarta-feira, na Vila Belmiro
Robinho está confirmado contra o Maringá, nesta quarta-feira, na Vila Belmiro

O pai de Robinho, Gilvan de Souza, disse que ídolo santista não descarta acertar com outro clube caso exista uma boa proposta.

“Sempre tem [ possibilidade de acertar com outro clube que não seja o Santos]. O contrato dele vence em julho. Se aparecer [boa proposta], ele vai”, disse o pai do craque ao UOL Esporte.

Desde que retornou ao time da Vila Belmiro, há oito meses, Robinho não havia recebido nenhum centavo referente a direitos de imagens até a semana passada, quando a diretoria santista pagou uma pequena parte da dívida.

Mesmo assim, o valor chega a R$ 7 milhões. O Santos não tem recursos financeiros para pagar a dívida, fato que impede um acerto imediato após a rescisão de Robinho com o Milan. Para fechar um novo acordo com o camisa 7, a diretoria santista precisa quitar a dívida ou convencer o atleta a aceitar o pagamento em parcelas.

“Vai depender das negociações e vamos ver onde podemos chegar. A gente tinha limitação porque tinha que respeitar o vínculo com o Milan. Hoje, ele está livre, muda tudo, começamos do zero. Vamos sentar e conversar”, afirmou a advogada e representante do atleta, Marisa Alija Ramos.

Robinho estará em campo no duelo do Santos contra o Maringá nesta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), na Vila Belmiro, válido pelo jogo de volta da segunda fase da Copa do Brasil.

A renovação de Robinho fará parte do confronto contra o time paranaense. O atacante Geuvânio já avisou que o elenco iniciará no vestiário da Vila Belmiro a campanha “fica Robinho”.

“A gente está feliz pela notícia que saiu, vamos fazer a campanha fica Robinho, ele é muito importante para a nossa equipe. No vestiário vamos brincar, falar para ele ficar e ajudar a gente”, disse Geuvânio.

Para o duelo contra o Maringá, o técnico Marcelo Fernandes não contará com o volante Renato e o lateral esquerdo Chiquinho. O primeiro sofre com dores musculares, enquanto o ala sofreu uma pancada nas costas no jogo contra o Avaí, no último domingo.

Comentários

comentários