Secretário explica uso de verba federal para recuperar vias: ‘Esperamos ter êxito, mas está na fase inicial’

Michael Franco

O secretário Municipal de infraestrutura e Serviços Públicos de Campo Grande, Rudi Fiorese conversou com o Página Brazil depois de participar do programa Tribuna Livre da Rádio Capital 95 FM desta segunda-feira (23). Em fevereiro o prefeito Marcos Trad foi à Brasília pedir recursos para a recuperação do asfalto da cidade que “está condenado”, segundo o chefe do executivo municipal. Sobre o tema, Fiorese afirmou que o recurso será usado para a reforma da malha viária, no entanto o processo é lento. “Estamos na parte de formulação técnica desse processo, leva tempo para aprovar […] mas realmente a o foco é a recuperação da malha viária. Esperamos ter êxito, mas está na fase inicial”.

Vale ressaltar que os trabalhos da Operação Taba-Buraco continuam independentemente dos recursos federais, pois para esse serviço é destinada verba própria dos cofres do município.
Outro tema tratado por Rudi Fiorese foi a iluminação pública, outra grande reivindicação dos campo-grandenses. Após um imbróglio com o Tribunal de Contas do Estado, o processo de licitação teve um adiamento e retorna agora em sua fase final. Para o secretário é difícil cravar um prazo, no entanto o processo caminha de maneira ordenada e deve finalizar rapidamente. “Esperamos que seja concluído o mais breve possível. A gente espera que no mês que vem a gente consiga contratar as empresas [..] é difícil dar um prazo agora mas porque realmente a demanda está muito grande”.
Rudi Fiorese comentou sobre asfalto para bairros e pontos da cidade que serão englobados pelas obras. Assista na íntegra:
https://www.youtube.com/watch?v=-be1s1rtQQA

Comentários