Reinaldo posta vídeo afirmando que caravana vai zerar fila que envergonha MS

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) destaca em vídeo postado na manhã deste sábado (4) no Facebook, as ações da Caravana na Saúde para zerar fila que envergonha Mato Grosso do Sul. Ele se refere ao drama de pessoas que esperam há anos cirurgias e exames médicos.

Reinaldo passará o dia em Paranaíba, que completa hoje 158 anos de emancipação Foto Reprodução

Reinaldo passará o dia em Paranaíba, que completa hoje 158 anos de emancipação Foto Reprodução

“Estamos aqui na 4ª etapa da Caravana da Saúde, no município de Paranaíba, levando a toda essa região atendimento médico, cirurgias e outros procedimentos para juntos zerarmos essa fila que envergonha Mato Grosso do Sul de pessoas que estão há muitos anos aguardando uma cirurgia”, disse, no vídeo.

“A Caravana da Saúde é o resgate da dignidade das pessoas”. A afirmação foi feita pela dona de casa Rosa Maria Alves, 39 anos, depois de ver a família de quatro pessoas ser atendida no mutirão realizado pelo Governo do Estado em Paraníba, entre os dias 30 de junho e hoje.

“Meu pai não gosta de médico, sempre teve aversão. Convenci ele a participar da caravana e ele já saiu elogiando o médico depois que começou a enxergar melhor por causa de um colírio pingado no olho”, contou ela sobre a experiência do aposentado Orlando Martins de Freitas, 75, no oftalmologista. Orlando já saiu do consultório com a cirurgia de catarata marcada para algumas horas depois. “Depois de 20 anos tratando com vários médicos, aqui eu recebi uma atenção diferente, especial”, disse ele.

Além de acompanhar o pai nos atendimentos de oftalmologia e cardiologia, Rosa Maria também aproveitou fazer os exames da especialidade de saúde da mulher. “Vou conseguir tirar um mioma que está no meu útero há dois anos. Antes, por causa da dificuldade do posto de saúde era difícil”, resumiu.

O esposo dela, Divino José Lopes, 47, também aproveitou a oportunidade para buscar atendimento e além de passar por consulta oftalmológica resolveu fazer exames de saúde do homem. “Colhi sangue para ver como está a próstata e daqui uns dias já pego o resultado no posto de saúde. Fui muito bem atendido”, disse.

A filha do casal, Pamela Freitas Lamber, 18 anos, aproveitou a caravana para emitir o CPF. “É a família toda passando por atendimento e aproveitando essa oportunidade”, contou a menida.

Neste sábado (4), é o dia Dia “D” do evento. Além dos atendimentos oftalmológicos, serão realizadas consultas e exames com especialidades em cardiologia, ortopedia, otorrinolaringologia, pediatria, odontologia entre outros.

Também terá atendimentos das instituições parceiras como Hospital do Câncer, Tribunal de Justiça, Polícia Civil, PROCON, SESI, Hemosul, Corpo de Bombeiros entre outros. A Caravana está instalada em frente ao campus da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul), localizada na Avenida João Rodrigues de Melo, sem número, Bairro Jardim Santa Mônica.

Comentários

comentários