Reinaldo destaca em Fórum controle sanitário para produção de alimentos

O controle sanitário para a produção de alimentos, grãos e carnes, teve lugar de destaque na última reunião do ano do Fórum dos Governadores que integram o Consórcio Interestadual de Desenvolvimento do Brasil Central (CBC). O governador Reinaldo Azambuja e os chefes de Estado de Mato Grosso, Goiás, Rondônia e Tocantins se encontraram nesta sexta-feira (18) em Porto Velho (RO) para debater projetos e interesses em comum entre os entes da Federação.

18forum

Reinaldo divulgou que os estados do bloco de desenvolvimento econômico são responsáveis por mais de 50% da produção de alimentos consumidos no Brasil e defendeu projetos atuantes nesse segmento. Segundo ele, o controle das condições sanitárias é uma prioridade da base de projetos estratégicos. “Uma das mais importantes”, disse o governador de Mato Grosso do Sul sobre a pauta.

Nesse sentido, o governador de Mato Grosso, Pedro Taques, falou sobre logística para escoamento da produção. Conforme Taques, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Tocantins têm localização estratégica, onde predomina o agronegócio. Por isso, a elaboração de pauta conjunta sobre exportações é fundamental. Para o governador Confúcio Moura, de Rondônia, aprimorar a atividade ainda contribui para elevar o Produto Interno Bruto (PIB) do País.

Ainda sobre logística, o governador de Goiás e presidente do Fórum, Marconi Perillo, lembrou a importância da criação de um banco de projetos de desenvolvimento nas áreas de infraestrutura de portos, hidrovias, ferrovias e rodovias. Segundo ele, também é imprescindível encaminhar proposta ao Ministério do Planejamento para que a União repasse recursos para, ao menos, três obras prioritárias em cada estado da região, além da liberação de uma parte dos recursos dos fundos constitucionais para financiar obras de infraestrutura.

Comentários

comentários