Rebaixado para piloto reserva, Ericsson fala em correr na Indy em 2019

Gazeta Esportiva.com

Com a chegada de Raikkonen, piloto não será titular da Sauber em 2019 (Foto: Andrej Isakovic/AFP)
A partir da temporada que vem, Marcus Ericsson não será mais um dos pilotos titulares da Sauber na Fórmula 1. Com a ida de Charles Leclerc para a Ferrari, as duas vagas da equipe suíça serão ocupadas por Kimi Raikkonen e Antonio Giovinazzi. Assim, Ericsson já pensa em outras alternativas, para não ficar apenas realizando sessões de testes com a Sauber.

O piloto ressaltou a sua vontade de retornar à F1 no futuro, e abriu a possibilidade de correr por alguma equipe da Fórmula Indy em 2019.

“Também estamos conversando com equipes em outras categorias. Para mim, quero correr no nível mais alto possível, porque me vejo voltando à Fórmula 1 no futuro também. Para poder voltar, quero continuar correndo em monopostos e carros velozes. A Fórmula Indy é o melhor campeonato para fazer isso”, disse.

Além disso, Ericsson citou a Fórmula E, categoria onde alguns pilotos da Fórmula 1 obtiveram sucesso, mas deixou claro que essa não seria a melhor escolha.

“É definitivamente uma das opções. É interessante em muitos aspectos, mas para ficar no tipo de corrida como a Fórmula 1, talvez não seja o melhor. A Fórmula E é mais um movimento de carreira. Há algumas outras opções que você pode manter no radar da Fórmula 1 e voltar para cá”, completou.

Comentários