PSL terá candidatos para disputar prefeitura de Campo Grande, Dourados e Ponta Porã

Da Redação

PSL terá candidatos para disputar prefeitura de Campo Grande, Dourados e Ponta Porã
O PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro, deverá ter nomes para disputar as eleições nas maiores prefeituras de Mato Grosso do Sul em 2020, segundo anunciou nesta segunda-feira (18) a presidente regional da sigla, senadora Soraya Thronicke, em evento sobre o aumento da participação feminina na política na Câmara de Campo Grande.

Presidente do PSL, a senadora Soraya afirmou que tenta convencer Contar a disputar por Campo Grande (Foto: Marcos Ermínio).

Para Campo Grande, o nome será o do deputado estadual Capitão Contar, mais votado para assumir uma das cadeiras na Assembleia Legislativa. “O nome dele é bem possível, estou tentando convencê-lo. Ele fala que quer cumprir o mandato. Se só tivermos o nome dele que seja capaz de conseguir, eu vou pedir para que ele se disponha”, disse.

Para Dourados, a ideia é que o presidente do partido na cidade, Aristeu Carbonaro, seja o candidato. “É uma pessoa nova, íntegra, um homem bastante sério. Temos o Elano em Corumbá e em Ponta Porã a Raquel Portioli”, completou.

Soraya afirmou que no PSL o espaço é para aqueles que não são da política. “Hoje no comando do PSL tem gente que somados têm mais de meio milhão de votos. Todas as decisões são tomadas conjuntamente”, garantiu.

Questionada sobre o deputado Coronel David, um dos precursores da sigla em Mato Grosso do Sul, Soraya afirmou que chamou o parlamentar para conversar duas vezes, mas que não teria tido resposta. “Disputas internas existem em todos os partidos. Do meu lado tenho candidatos com mais de 500 mil votos. 90% do partido está comigo”, garantiu.

Comentários