Principal nome do PSDB, Rose vai focar no trabalho até a convenção

Há duas semanas afastada da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), a vice-governadora do Estado, Rose Modesto (PSDB), em entrevista ao Página Brazil na manhã desta terça-feira (12), fez um balanço do tempo que ficou responsável pela Secretaria.

De acordo com a vice-governadora, o trabalho durante um ano e três como secretária da Sedhast foi positivo. “Fizemos uma gestão em cima de projetos que já existiam, como o Vale Renda. Detectamos que mais de oito mil famílias que não estavam mais no perfil ainda recebiam o auxílio. Cortamos e tivemos uma economia de 19 milhões em um ano”, explicou. Ainda segundo Rose, o dinheiro economizado possibilitou a ampliação do programa Vale Universidade.

Outro ponto importante do balanço da gestão foi a inauguração do programa Rede Solidária, que teve a primeira unidade instalada no bairro Dom Antônio Barbosa e atende mais de 700 famílias. A segunda está prevista para ser inaugurada em julho. “É um programa que une diversas áreas, como educação, qualificação, cultura e trabalho. A nossa intenção é levar esse projeto para outras cidades do interior do Estado até o final do mandato”, ressaltou.

Eleições

Apesar de ter o nome disponível para pré-candidatura à prefeitura da Capital, Rose Modesto disse que o momento agora é de ajudar o governador Reinaldo Azambuja com os trabalhos no Estado. “Estou na governadoria ao lado do governador para ajudar e vou fazer algumas agendas no interior do Estado. Na segunda quinzena e abril vamos começar a organizar a Caravana da Saúde de Campo Grande”, disse.

Ainda segundo Rose, a convenção do partido deve ser realizada em julho. “A partir daí, se eu for escolhida como candidata, vamos poder fazer um trabalho mais forte em relação a essa questão da política. Mas por enquanto vamos poder ajudar o governador em todas as áreas do nosso Estado”, finalizou.

Comentários

comentários