Prefeitura deposita R$ 1,5 milhão para Solurb pagar funcionários

Diante da gravidade da situação em que a Solurb deixou a cidade, o prefeito Alcides Bernal determinou medidas enérgicas para a solução imediata da questão da coleta de lixo.

A primeira é o depósito judicial de R$ 1.568.800,00, destinado única e exclusivamente ao pagamento dos salários dos funcionários da Solurb, que também estão sendo prejudicados pela empresa.

17solurb

Como a empresa descumpriu uma ordem judicial, a outra medida é a informação, por meio da procuradoria jurídica, ao juiz Alexandre Ito da 2ª Vara de Fazenda Pública de que a liminar não está sendo cumprida e também o pedido de prisão dos responsáveis pela Solurb, por colocarem a cidade em risco de epidemia (art. 267 do código penal), por desobediência e crimes contra a organização do trabalho, pela paralisação de serviço de interesse coletivo e por incitação à desobediência.

Também será informado o estado de flagrância para o Ministério Público, Justiça Estadual e Trabalhista, Ministério Público Federal e Polícia Federal, contra os dirigentes da Solurb e presidente do sindicato por exporem em risco a condição sanitária da população de Campo Grande.

Comentários

comentários