Prefeitura atualiza e deverá dar a Capital novo tipo de sinalização horizontal

Lúcio Borges

Foto: Marlon Ganassin

A Prefeitura atualiza e deverá dar as ruas de Campo Grande, um novo tipo de sinalização horizontal para trânsito. A responsável do setor, a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) começou a testar a nova maneira de sinalizar o asfalto e os produtos, que ditos  mais modernos e em novos conceitos dará outro visual e durabilidade as marcações. As novas tecnologias, que ainda não haviam sido utilizadas na Capital, são conhecidas como extrudado e hot spray, que em ambos os casos, são a quente sobre o asfalto, aderindo ao material, o que dá uma maior resistência e por consequência tempo de uso, segundo explicação da Agência. Contudo, o material irá começar ser aplicado aos poucos e onde o asfalto está bom.

O extrudado é um termoplástico em alto relevo, ficando com uma espessura de até 3 mm. Então em faixa de pedestre, de retenção, vamos usar esta tecnologia, que dura muita mais. Ele é aplicado com uso do processo de extrusão mecânica, composto por resinas. O diferencial, explica, é que o material possui alta durabilidade e é ideal, inclusive, para condições climáticas adversas. O extrudado chega a durar de 5 a 6 anos sem manutenção, mesmo em locais com alto fluxo de veículos”, disse o diretor presidente da Agetran, Janine Bruno.

Foto: Marlon Ganassin

O Consórcio CAM, vencedor de licitação e que irá realizar o trabalho, começou os trabalhos de sinalização horizontal, com a tecnologia, na Avenida Fábio Zahran com a Costa e Silva em direção à Avenida Spipe Calarge. Na região também está programada a instalação de um semáforo na esquina com a Rua Marco. O mesmo serviço de sinalização foi autorizada para a Avenida Heráclito Figueiredo, entre a Mascarenhas de Moraes e a Rua Pintassilgo.

Prioridade : novidade onde é novo

Contudo, a novidade em modernização e segundo a administração para buscar a economia e eficiência dos recursos públicos, é que a Agetran estará utilizando um novo tipo de sinalização horizontal, mas à principio em algumas vias de Campo Grande.

Bem como, o inicio será onde o pavimento é novo ou está mais novo ou em melhor condições. “Por ser um material de melhor qualidade, vamos aplicá-lo nos locais onde o pavimento está mais novo para que a durabilidade seja maior”, salientou Janine.

A Prefeitura explica que, além das sinalizações, horizontais e verticais, realizadas em toda a cidade, o Consórcio Cam é responsável pela manutenção semafórica de uma parte da cidade. Na Avenida Mato Grosso foram trocadas lâmpadas de LED que estavam queimadas e as incandescentes foram substituídas.

Comentários