Prefeitura anuncia que equipará posto com academias para terceira idade

Lúcio Borges

A Prefeitura de Campo Grande anunciou nesta segunda-feira (16), que a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), equipará 10 Postos de Saúde com novas Academias da Terceira Idade (ATI). Todas serão instaladas anexas a UBS (Unidades Básicas de Saúde), beneficiando milhares de pessoas e auxiliando na melhoria da qualidade de vida e na prevenção de doenças, principalmente dos idosos. A visão para a nova ação é tratar ou prevenir doenças, onde as pessoas vão buscar as medidas de saúde, tendo uma nova ‘estratégia’ com o exercício físico, que auxilia no combate ou diminuição de muitas enfermidades.

O secretário de Saúde Marcelo Vilela, que também é médico, explica que ao se exercitar, o idoso diminui a perda da densidade óssea gerada pelo envelhecimento e da massa muscular magra. “O exercício físico propicia ainda a melhora da capacidade pulmonar e a maior resistência a quedas.  Com o músculo forte, o idoso tem mais equilíbrio e consegue se apoiar ao cair”, diz o titular da Sesau, lembrando que a implantação das academias é fruto de convênio firmado entre a Secretaria Estadual de Saúde (SES) e a Prefeitura com investimento aproximado de R$ 138 mil.

Vilela ressaltou no entanto que não se definiu quais UBS serão estas 10 primeiras a receber os equipamentos. “Ainda está em fase de elaboração a relação de unidades de saúde que receberão as ATIs, que contam com equipamentos como simuladores de pedalada, de caminhada e de esqui, que permitem realizar exercícios leves, mas que trazem inúmeros benefícios”, lembrou.

O secretário mencionou ainda outros pontos positivos das ATI’s, que são o contato com a natureza e a socialização com pessoas da mesma idade. Nestes locais os idosos são acompanhados por profissionais de educação física, que orientam sobre a necessidade de alongamento antes de qualquer atividade física, bem como esclarece quais exercícios pode ser realizados.

IMG-20180716-WA0023

Outros benefícios

As academias ao ar livre têm sido implantadas nos bairros e têm por objetivo estimular a prática de atividades físicas na população adulta e idosa, promovendo a melhoria da qualidade de vida do idoso resultando a melhora das Atividades de Vida Diária – AVD´s que contribuem também para o nível de independência e pode afetar diretamente a auto-estima. Este conjunto de efeitos melhora sua imagem corporal, socialização e diminui estresse.

Sendo assim, espera-se que a difusão dos resultados alcançados com o uso das ATI´s possa levar a um aumento dos estudos voltados para esse grupo populacional, no sentido de preparar a sociedade brasileira para um envelhecimento mais saudável.

A proposta da implantação Anexa às UBSF visa à configuração como equipamento de saúde e captação de recursos para custeio SUS.

Comentários