Prefeito de Sidrolândia é o primeiro a ser confirmado a reeleição pelo PSDB

ee9269ca-c358-452a-9a43-e5b1681d4003O futuro de Sidrolândia com uma administração feita em uma gestão de austeridade, moralidade e de maior crescimento de Mato grosso do Sul, foi o tripé para o pedido de continuidade do mandato do atual prefeito Ari Basso, a frente da Prefeitura do município a 70 km de Campo Grande. Assim, o PSDB lançou oficialmente na manhã deste domingo (17), em grande festa, a primeira reeleição oficial no Estado, com a pré-candidatura do prefeito tucano, que já recebeu o apoio em alianças concretizadas de quatro partidos e ainda está sendo negociado o ingresso na aliança de outras cinco legendas.

As lideranças do partido no município e muitas regionais, que compareceram ao ato na manhã de ontem, ainda anunciaram a provável adesão de outras cinco legendas que estão em conversas para serem fechadas até a convenção final no dia 05 de agosto. Cerca de mil pessoas participaram do Encontro realizado no CTG para o lançamento a reeleição de Basso. Ele foi eleito numa eleição suplementar, em 2013, após o ex-prefeito Enelvo Felini, vencedor da eleição de outubro  2012, não assumir por ter o registro da candidatura impugnado pelo Tribunal Superior Eleitoral.

Basso, que é pecuarista e entrou na política administrativa com o atual mandato, foi o último a falar, entre dezenas de discursos, para ratificar o que ele até resistia, mas centenas de correligionários e população em geral presentes pediram e esperavam ouvir “o seu sim” a ir para disputa do pleito eleitoral 2016. “Volto a colocar meu nome a disposição do partido, desde já agradecendo a minha esposa e aos partidos aliados, que avalizam e apoio a decisão, que ainda pesou os pedidos de muitos e muitos amigos, para que a gente continuasse e concretizasse nossa pré-candidatura na busca de mais quatro anos para administrar a prefeitura. E nossa decisão, vem em conjunto com a soma de todos, que querem fazer e que continuemos com Sidrolândia sendo a cidade, o município que mais cresce no Estado”, disse o prefeito, agora candidato oficial a reeleição, com apoio fechado do PSB, PPS, PTN e PROS.

O ex-prefeito Enelvo Felini, hoje presidente da Agraer (Agência Estadual de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural), representando o governador Reinaldo Azambuja, disse que a reeleição concretizará resultados e poderá trazer mais benefícios ao município. “Venho em nome do governador, que não veio não por desmerecer, pelo contrário, aqui tem muitos resultados. Mas, como chefe do executivo, neste momento prefere não ser presença. Não pretende ir às escolhas do partido, para não deixar outros prefeitos de qualquer legenda preteridos supostamente. Mas, o governador, como nós vemos, a boa avaliação do nosso prefeito, como um dia com nosso trabalho em conjunto, fez vocês me avaliarem com 86% de bom na saída da prefeitura. O Ari vai ser a mesma coisa daqui mais quatro anos, pois sua reeleição coroará a administração do homem sério e de uma gestão eficiente e eficaz, que é o que os cidadãos querem a cada dia mais”, disse Felini no iniciou do discurso.

O então prefeito nas gestões de 1996 a 2004, ainda fez uma analise da administração que saiu de negativa apra positiva. “Ari nos seus dois primeiros anos foram de crise, pé parado com as muitas dívidas. Mas, fez e tornou a cidade mais limpa, que está organizada e que mais cresce em MS. Com sua reeleição, isto se ampliará e fará com que empresários venham investir ainda mais, beneficiando todos do município”, avaliou Felini que também é hoje, secretario geral do PSDB em MS, e à sua época administrou o município sendo do PDT.

d75aa874-8b9c-4e4f-ab12-4f2d6f5d96d6Já a fala do deputado estadual, líder do governo na Assembleia Legislativa, Rinaldo Modesto (PSDB), resume o que também disseram os demais colegas tucanos Onevan de Matos e Beto Pereira, como a deputada federal Tereza Cristina (PSB). “Sidrolândia vivia em um momento de crise, mas o senhor Ari conseguiu superar e elevar o município em todas as esferas. Esperamos que ele continue a administrar o município, que com ainda mais apoio do governador Reinaldo, que também está conseguindo superar as crises, mesmo neste momento difícil do Estado e do Brasil, para juntos continuarem e ampliar projetos na gestão e de melhorar ainda mais todo município”, discursou.

Cidadania partidária, apoio e esperança de ampliar

O evento contou com a participação de jovens, adultos e idosos de forma individual, como em grupos de associações e membros do centro urbano, rural e indígena Sidrolandense. O anuncio da pré-candidatura de reeleição, também foi espaço de apresentar os pré-candidatos a vereadores, bem como novas filiações ao ninho tucano local. “Fizemos questão de reunir a todos, fazer uma re-uniâo e ter diversos ótimos motivos para mostrar, celebrar como a entrada e acolhida de novos filiados em geral, como em especifico no PSDB Jovem e Mulher, que também aproveitamos para tornar pública a posse e membros dos segmentos. Já colocar os nomes de todos os nossos pré-candidatos para serem trabalhados e trabalharem por eles e pela reeleição”, disse a presidente municipal, vereadora Vilma Felinni.

Para João Belarmino Souza, o Joãozinho do assentamento Eldorado Parque, presidente da Associação Cruzeiro do Sul, a aprovação a atual gestão é real e que com isso para ele e população me geral, se pretende levar mais coisa para frente. “Forma últimos anos de temporada fraca, crises, mas a prefeitura fez pela cidade, e também algo pelo rural. Esperamos continuar, por há muita coisa para levar em frente. Pode haver, está sendo encaminhada parceria maior com o governo, que já apontou que pode fazer. Antes também estava organizando a casa, e agora irá seguir e pode contribuir com o município. Vemos isto, porque este atual governo do Estado, já sentou e conversou conosco quatro vezes, diferente do outro que nunca conversou nada. Já fez projeto e até encaminhou algum recursos”, apontou o representante.

O presidente da Associação falando dos atos revelou, que com o ‘pouco’ que já foi feito, espera mais e pretende confiar e ajudar. “O prefeito começou fazendo certa estruturação da área rural, mas agora com mais recursos que começou a vir, poderá e esperamos fazer mais diretamente. Nos falta máquinas e adubo, que a gestão municipal com governo já acertaram para vir e queremos a concretização e continuidade disto”, apontou Joãozinho da Eldorado, como pediu para ser chamado.

A moradora Juciane Mendonça mencionou que o município melhorou e espera mais, lembrando que o atual prefeito teve menos problemas na cidade. “Tivemos mais reforma, pinturas na cidade, as ruas ficaram melhores, chegou mais gente no município. Os problemas ou brigas parece que diminuíram por aqui e o prefeito com seu jeito deve menos problemas”, comentou.

Presenças

Basso, Gerson Claro e Tereza Cristina, ambos PSB

O encontro do PSDB contou além dos políticos já citados, com a presença de quase todos os parlamentares da Câmara, incluindo o presidente David Olindo. Os presidentes de partidos: Waldemar Acosta (PDT), Sergio Cozan e Edno Ribas, Brandão do PPS, Gilmar Antunes (PSD), Marcio Marquete (PROS), Chester Marcon (PSB) e Francisco Ortiga (PTN). Como ainda se fizeram presentes o presidente do Detran-MS, Gerson Claro (PSB), o presidente regional do Incra, Humberto Maciel (PSB) e Valdemir Struk, superintendente regional do Ministério do Trabalho em MS.

O evento foi marcado por manifestações de otimismo das lideranças tucanas e de partidos aliados, que mostraram confiança nas chances do prefeito conquistar em outubro o segundo mandato. “Depois de um início de gestão turbulenta, eleito numa eleição suplementar, o prefeito Ari merece a oportunidade de fazer um segundo mandato no qual possa imprimir sua marca”, resumiu a deputada Tereza Cristina.

Comentários

comentários