Preço da Cesta Básica caí em agosto, mas acumulado nos últimos 12 meses é de 17,52%

O preço da cesta básica caiu 2,39% em Campo Grande no mês de agosto em comparação com julho, recuando de R$ 347,08 para R$ 338,79, segundo levantamento do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).  Contudo o valor acumulado nos últimos 12 meses é de 17,52%. A diferença é de R$ 50,51, pois no mesmo período de 2014 a cesta individual custou R$ 288,28.

Batata foi item da cesta básica que registrou a maior queda de preço em Campo Grande em agosto, 24,85%
Batata foi item da cesta básica que registrou a maior queda de preço em Campo Grande em agosto, 24,85%

Segundo o departamento, as maiores retrações nestes mês em relação ao anterior foram registradas nos preços da batata (-24,85%), tomate (-18,14%), feijão (-8,86%) e manteiga (-0,23%). Em contrapartida, produtos que registram alta em agosto foram a banana (9,22%), leite (3,36%), açúcar (2,45%), farinha de trigo (2,35%), arroz (2,24%), pão francês (1,56%), café (1,32%) e carne bovina (0,65%).

O comprometimento do rendimento líquido do salário mínimo para aquisição da cesta básica, de acordo com o Dieese, em agosto foi de 46,73%.

Cesta básica familiar

Já para a aquisição da cesta básica familiar, com alimentos para atender uma família composta por dois adultos e duas crianças, a pesquisa do departamento aponta que o custo caiu de R$ 1.041,24 em julho para 1.016,37 em agosto. A quantia comprometida foi equivalente a 1,29 vezes o salário mínimo bruto.

Comentários

comentários