Policiais Federais recebem homenagem após serem os mais votados para vereador

Mato Grosso do Sul tem dois policiais federais inseridos na política, após as últimas eleições. A classe tem motivo dobrado para comemorar, porque ambos os agentes foram os mais votados para vereador em suas cidades. André Salineiro (PSDB) foi eleito com 8.776 votos em Campo Grande e Renée Venâncio (PSD) teve 1.669 votos, em Três Lagoas.

Vereadores Renée Venâncio (e) e André Salineiro recebem homenagem

Eles receberam homenagens da Polícia Federal, por meio do Sindicato dos Policiais Federais em Mato Grosso do Sul (Sinpef/MS), no sábado (3), durante confraternização da entidade, no Rádio Clube Cidade.

Salineiro reforçou o compromisso de atuar contra a corrupção. “Eu nunca deixarei de ser um Policial Federal, apenas estarei temporariamente licenciado para cumprir uma missão, a qual irei cumprir com muita probidade e responsabilidade, pois missão dada, é missão cumprida!”, disse ao receber a placa de honraria.

Na ocasião, o presidente do Sinpef/MS, Leonardo Corniglion destacou a expressividade do agente na política, já que Salineiro é suplente de deputado estadual na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, desde as eleições de 2014.

André Salineiro foi o mais votado em Campo Grande

Venâncio falou da importância do voto de confiança da sociedade para mudar os rumos do cenário político. “Esse modo de dizer que a política só tem bandido é porque nós permitimos. Se a gente tiver iniciativa, vamos mudar isso. Vamos combater o crime, na trincheira, onde eles são mais fortes que é a política”, disse.

Representatividade – Os dois agentes surpreenderam ao serem os mais votados. Eles representam um movimento que busca maior representatividade da classe no âmbito político nacional.

O presidente do Sinpef/MS classificou com um “fenômeno recente” a eleição dos policiais e lembrou a atuação de outros nomes da Polícia Federal na política nacional. “Podemos mencionar, por exemplo, o agente Aluízio Mendes, atualmente deputado federal e ex-secretário de Segurança Pública no estado do Maranhão, entre outros tantos”, destacou Corniglion.

O resultado positivo nas eleições demonstra a força da imagem da Polícia Federal, que está relacionada às marcas da ética no combate a corrupção, à Operação Lava Jato, à Operação Zelotes, ao combate e repressão ao tráfico e uso de drogas.

Para o sindicalista, a sociedade passou a reconhecer em votos de confiança os policiais federais, almejando sua própria segurança, assim como a ética no aparato político. Corniglion mencionou os agentes da atividade investigativa de inteligência, de operações de atividades de campo, das áreas de perícia e gestores.

“Os representantes políticos da Polícia Federal e os representantes sindicais e associativos, superando o escasso eleitorado interno do órgão, que, matematicamente, divido em nosso território nacional não reúne número de votos suficientes para fazer uma eleição, estão descobrindo um caminho mais eficiente e que produz ótimos resultados com a demonstração de nosso mérito e formação de líderes policiais federais”, disse o presidente do sindicato.

Comentários