Policia prendeu a pouco, mais dois acusados do assassinato do ex-vereador Silveira

Lúcio Borges

Delegados da Polícia Civil anunciaram a pouco, durante entrevista coletiva que concediam sobre o assassinato do ex-vereador Cristóvão Silveira e sua esposa, Fátima Silveira, que havia ocorrido a prisão de mais dois dos cinco acusados de terem cometido ou participado do crime que ocorreu na tarde desta terça-feira (18). Hoje, já haviam sido presos três dos principais e agora a pouco, a policia em Corumbá, acabou de prender os dois suspeitos de envolvimento no duplo homicídio, que haviam fugido com a camionete do casal para aquele região, provavelmente para passar para a Bolívia.

A dupla foi presa após perseguição policial e um dos acusado, Diogo André dos Santos Almeida, de 19 anos, foi baleado, sendo encaminhado neste momento para o hospital da cidade. O ferido em confronto com a polícia, é sobrinho do caseiro Rivelino, já preso e confesso do crime

A polícia não revelou a identidade do segundo suspeito que possivelmente, era o condutor da camionete roubada já que o garoto não sabia dirigir. A informação foi anunciada durante a coletiva de imprensa no Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Bancos, Assaltos e Sequestros).

O caso – Por volta das 13h30, o caseiro acionou a Polícia Militar dizendo que um grupo havia invadido a chácara e feito o patrão dele refém. Ele tinha escapado para buscar ajuda. Com o pé machucado, o caseiro foi socorrido pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) à Santa Casa. A equipe policial, então, foi até a propriedade e encontrou os dois corpos no galpão da propriedade. A mulher estava parcialmente nua e queimada.

Desconfiados da versão do caseiro, os policiais do Batalhão de Choque e civis foram até a unidade de saúde e apreenderam o celular dele. No aparelho, foram encontrados vários áudios em que o caseiro, o filho e o sobrinho planejavam o roubo do veículo. Imediatamente, o caseiro foi preso e entregou os outros dois suspeitos que haviam seguido com a caminhonete para Anastácio, distante 135 quilômetros da Capital.

Na sequência, o filho do caseiro foi preso no município. A caminhonete já havia sido levada pelo terceiro suspeito para a Bolívia. O veículo foi encontrado, nesta madrugada, abandonado em Corumbá. Três pessoas já estão presas e estão sendo trazidas para o Garras.

Comentários