Polícia prende na Espanha homem que pegou 222 livros de biblioteca

Agência Brasil

A Polícia da Espanha prendeu hoje (15), em Valência, um homem de 53 anos acusado dos crimes de fraude e falsidade documental. Ele, supostamente, não devolveu 222 livros de uma biblioteca municipal. O acervo retido pelo suspeito está avaliado em 10 mil euros.

O homem fotocopiava o código de barras dos livros e passava pela máquina de devolução automática da biblioteca, mas ficava com os exemplares em casa. Ele foi posto em liberdade à espera de ser chamado por um tribunal. As informações são da polícia local.

Os agentes responsáveis pela investigação comprovaram que uma mesma pessoa tinha retirado todos os livros que faltavam na biblioteca. E, apesar de as obras constarem como devolvidas, conseguiram determinar o procedimento utilizado pelo suspeito para burlar o sistema e ficar com os exemplares.

*Com informações da Agência EFE

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu cometário!
Por favor, insira seu nome aqui