Polícia Ambiental flagra rinha com 45 galos e multa 6 pessoas por maus tratos

Neste domingo (05), a PMA (Polícia Militar Ambiental) flagrou a prática de rinha de galo numa chácara de Sonora, extremo norte de Mato Grosso do Sul. No local, os policiais confirmaram a denúncia. Dois cercados estavam montados, sendo que em um estava acontecendo briga entre galos.

Foto: Divulgação/PMA
Foto: Divulgação/PMA

Além dos galos que estavam brigando, a PMA localizou 45 aves da raça índio presas numa gaiola. Segundo o boletim de ocorrência, os mesmos estavam com as esporas cortadas e tinham marcas vermelhas pelo corpo.

Ainda no local foi encontrado um quadro com a pontuação dos galos. O proprietário da chácara, José Benício Filho, confirmou que no local estava acontecendo rinha de galos e que ele era dono de seis aves.

No local havia um quadro com a pontuação dos galos. (Foto: Divulgação PMA)
No local havia um quadro com a pontuação dos galos. (Foto: Divulgação PMA)

Os outros galos pertencem a Alberto Fernandes de Oliveira, José Rocha de Lima, o Bibi, José Welliton da Silva Oliveira, o Tim, e Robson Gomes da Silva. Todos foram multados administrativamente e levados para a delegacia de Polícia Civil, onde foram ouvidos pelo delegado Francis Flávio Araújo Freire. Eles devem responder por maus tratos.

 

Comentários

comentários