PMA prende pescador com redes ilegais e apreende pescado, barco e motor de popa

Durante fiscalização ontem (22) no município de Selvíria, policiais militares ambientais de Aparecida do Taboado prenderam um homem por pescar com redes de pesca (petrechos proibido). O infrator pescava embarcado no rio do Pântano, a 5 km da cidade, e foi surpreendido armando e conferindo 100 metros de redes de pesca.

Foto: Divulgação PMA
Foto: Divulgação PMA

A PMA prendeu o acusado no início da pescaria. As redes de pesca têm grande poder de captura e dizimação de cardumes. Os policiais encontraram 6 quilos de peixes mortos e vários exemplares vivos, presos nas redes, que foram soltos. Com o pescador foram apreendidos um barco, um motor de popa e as redes de pesca, além do pescado.

O infrator, residente em Selvíria, recebeu voz de prisão e foi conduzido à delegacia de Polícia Civil daquela cidade. Ele foi autuado em flagrante por crime ambiental de pesca predatória e saiu depois de pagar fiança de R$ 800,00. Ele também foi autuado administrativamente e multado em R$ 820,00.

Comentários

comentários