PM divulga nome de policiais envolvidos em contrabando de armas

A Polícia Militar divulgou, na tarde de ontem (3), um balanço da Operação Pampas, e divulgou os nomes de quatro policiais militares, que estão sendo investigados por exigir dinheiro de contrabandistas para que materiais ilícitos entrassem no país. Buscas e apreensões foram feitas nas casas dos envolvidos localizadas em Campo Grande e São Gabriel do Oeste.

04pms

Os policiais investigados são o tenente Cláudio Baldan, comandante do pelotão em São Gabriel do Oeste, sargento Flávio Alves Dinis (integrante do pelotão de São Gabriel do Oeste), sargento Manoel Feliciano Bezerra (integrante do pelotão de São Gabriel do Oeste), sargento Dimas Feliciano Bezerra (integrante do pelotão de São Gabriel do Oeste).

De acordo com a polícia, foram apreendidas diversas munições restritas, contrabandos do Paraguai e armas. O empresário Leandro Frozza e Cleiton Roberto Mendes também foram presos.

A Operação Pampas se iniciou no ano passado aonde o setor de inteligência da Corregedoria da Polícia Militar teve a informação de que policiais militares de São Gabriel do Oeste exigiam dinheiro de indivíduos que traziam materiais ilicítos do Paraguai, como contrabando de cigarros e outros objetos irregulares.

Durante as investigações, foi preso no dia 15 de setembro, Cleiton Roberto, que trazia as armas e munições para o pais. Também foi constatado que havia armas e munições contrabandeadas com policiais militares e outras pessoas de fora da corporação.

Foi quando, nesta quinta, equipes da corregedoria foram em busca dos objetos apreendidos e fizeram a condução coercitiva dos envolvidos.

Comentários

comentários