Pistoleiros executam homem na frente do filho na região de fronteira

Leonardo Diaz Cristaldo, conhecido como “Loro” foi morto a tiros na tarde, desta quinta-feira, dia 23 de março, no Bairro Santa Tereza, em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia, vizinha a Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul.

Foto Porã News

Os pistoleiros estavam em uma motocicleta brasileira, modelo Twistter CBX. A vítima estava sentada na frente da residência quando a dupla, que estava sem capacete, passou atirando.

Segundo as primeiras informações, o mesmo era colaborador da policia, esta situação teria desencadeado a sua execução, já que teria entregado alguma carga de droga do narcotráfico aos agentes da Divisão de Investigação de Delitos da Policia Nacional de Pedro Juan Caballero, que teria sido descoberto pelos integrantes do crime organizado que decidiram pela sua execução.

Agentes da Divisão de Homicídios e da Divisão de Criminalística realizaram os trabalhos de praxe apoiados pelo promotor de justiça Samuel Valdez e posteriormente encaminharam o corpo da vitima ao IML do Hospital regional da cidade para posterior entrega aos familiares.