Parada da Diversidade e Cidadania LGBT acontece neste sábado na Capital

imagem_3411_2831O sábado (26) de Campo Grande será diferente de animação e cidadania com e pela diversidade, por meio da Parada da Diversidade e Cidadania LGBT, a mais conhecida Parada Gay. Hoje é um dia de festa e prestação de serviço ao público de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais de Mato Grosso do Sul, como a qualquer cidadão que se interessar, em ir na Parada, que acontece no centro da Capital. O evento já acontece e se estenderá até a noite. Mas, ao contrario do que muitos pensam e até criticam, o evento faz amanhecer animado na Praça Ary Coelho, com  ações sociais de saúde e luta pela conscientização, lideradas pela comunidade LGBT, e, após às 15 horas, se dá início a parte festiva com a caminhada e festa com shows e performances.

A ATMS (Associação das Travestis e Transexuais de Mato Grosso do Sul) montou um estande na praça afim de levar informações sobre a prevenção de doenças sexualmente transmissíveis e pela ciência da luta contra o preconceito, abusos discriminatórios e até físicos pela homofobia que acontece. “Esperamos um grande público, tanto na realização dos testes rápidos quanto na Parada”, disse Nicolly Souza, secretária geral da Associação.

Com panfletos informativos, camisinhas femininas e masculinas, a Associação oferecerá até às 14h um teste rápido de HIV por fluido oral. O teste é simples rápido e sigiloso. A amostra é coletada na boca e identifica a presença de anticorpos anti-HIV. Caso o teste for reagente a pessoa será encaminhada ao CTA (Centro de Testagem e Aconselhamento para tratamento).

Parada em 2014, no ano passado não houve por falta de recursos.
Parada em 2014, no ano passado não houve por falta de recursos.

“Caso algum teste dê positivo, a equipe de enfermeiros fará todo o aconselhamento e encaminhará para o Centro de Triagem para realizar o tratamento, bem como informações sobre a doença”, informou Marco Aurélio Almeida, o gerente do CTA, que também está no local oferecendo testes de HIV, Sífilis, Hepatite B e C. É necessário preencher uma ficha com os dados pessoais e a coleta também leva apenas 20 minutos.

Serão realizados 80 testes e estande do Centro de Testagem só será desmontando às 15 horas, quando o movimento parte para a Parada pelas ruas do centro da Capital, até a outra Praça no Radio Clube.

Shows

Às 18h30 será dado início ao Show da Diversidade, na Praça do Radio, que se encerrará às 22h com trios elétricos.

Comentários

comentários