Para combater consumo de drogas, vereador defende participação familiar e atividades esportivas para jovens

Nádia Nicolau

Em entrevista ao Tribuna Livre, nesta terça-feira (3), o vereador Delegado Wellington (PSDB) explicou sobre o seu trabalho voltado ao combate do uso de drogas, na capital. Nas palavras dele, a origem da luta contra esse vício deve contar sobretudo com o apoio da estrutura familiar, juntamente a políticas públicas de bloqueio das fronteiras do Estado, e adesão do esporte aos jovens.

A ação chamada ‘Criança Segura’ visa, conforme o vereador, “orientar com palestras a prevenção” que, segundo ele é a melhor arma. Durante a conversa, o Delegado Wellington lembrou de uma lei, de sua autoria, e que foi aprovada e sancionada. A Lei 6.233 autoriza a Prefeitura de Campo Grande a proibir o uso do cachimbo conhecido como “narguilé” em locais públicos da Capital.

Segundo o texto da regulamentação, são considerados locais públicos praças, áreas de lazer, ginásios e espaços esportivos, escolas, bibliotecas, espaços de exposições e qualquer local onde houver concentração e aglomeração de pessoas, habitualmente dedicadas à prática esportiva.

Caso seja colocada em prática, o descumprimento da lei implicará em multa de R$ 500,00 (quinhentos reais), dobrado o valor, em caso de reincidência. Os valores arrecadados com estas penalidades poderão ser utilizados em ações e campanhas educativas.

CLIQUE AQUI para conferir a entrevista completa.

Comentários