Palmeiras, Grêmio, Inter e Atlético-MG entram em ação

DA REDAÇÃO

A rodada de abertura da fase de grupos da Libertadores 2019 segue na noite desta quarta-feira (6) com mais quatro equipes brasileiras em campo. Às 19h15 (horário de Brasília), o Internacional-RS vai até La Cisterna, no Chile, para fazer sua estreia no Grupo A contra o Palestino. No mesmo horário, o Atlético-MG recebe o Cerro Porteño no Mineirão, em Belo Horizonte, pelo Grupo E. Às 21h30, Palmeiras-SP e Grêmio-RS iniciam a caminhada na competição fora de casa. No Grupo F, o Verdão encara o Junior, em Barranquilla, na Colômbia. Já o Tricolor enfrenta o Rosário Central, na Argentina, pelo Grupo H.

Crédito: Lucas Uebel/Grêmio

Palestino-CHI x Internacional – La Cisterna, no Chile

De volta à Libertadores, após quatro anos, o Internacional aposta na experiência do elenco na competição para abrir a fase de grupos com vitória. Em sua terceira participação no torneio, o zagueiro Víctor Cuesta deu a receita para a estreia fora de casa.

“Temos que entrar com calma. É o primeiro jogo. Todos os times têm que se adaptar. Nosso grupo é forte. Tem juventude, mas também tem experiência. Temos que entrar focados para fazer um grande jogo”, projetou o defensor de 30 anos em entrevista ao site Globoesporte.

Atlético-MG x Cerro Porteño – Belo Horizonte

Assim como nas primeiras fases da competição, o Galo contará com o incentivo em massa do torcedor atleticano. Com mais de 30 mil ingressos vendidos antecipadamente, o Atlético-MG espera manter a sintonia com a torcida para iniciar a fase de grupos com o pé direito.

“Temos que estar focados, entrar bem concentrado e dar o melhor. Se Deus quiser, fazer um gol ou dar passe para o Ricardo (Oliveira) ou algum outro companheiro. Temos que estar bem concentrados, correr e ganhar para começar com o pé direito, conquistando os três pontos em casa”, afirmou o meia Cazares.

Junior -COL x Palmeiras – Barranquilla, na Colômbia

Na estreia do Palmeiras, o capitão Bruno Henrique vai reencontrar um adversário especial: o Junior. Em 2018, o meia foi titular pela primeira vez na temporada diante dos colombianos. Com uma atuação impecável e dois gols marcados, o jogador se firmou de vez na equipe e se tornou uma das principais peças do esquema montado por Felipão.

“Tenho um carinho especial pelo jogo contra o Junior porque foi o meu primeiro como titular no ano passado e tive a felicidade de atuar bem e marcar dois gols. Foi muito bom também coletivamente começar a Libertadores vencendo um adversário muito difícil e como visitante. Depois daquele confronto, tive uma continuidade e consegui atuar o ano todo. Tenho um carinho especial sim, mas agora é virar a página e temos de fazer tudo de novo. Temos de entrar muito ligados para buscar um resultado positivo”, relembrou o camisa 19, eleito o melhor em campo na ocasião.

Rosário Central-ARG x Grêmio – Rosário, na Argentina

Campeão da Libertadores em 2017, o Grêmio aposta na manutenção da base para voltar a brigar pelo título da competição. Um dos líderes do elenco, o zagueiro Geromel ressaltou a importância da continuidade do trabalho desenvolvido pelo técnico Renato.

“Começamos muito bem o ano, todos sabemos que agora é outra competição, é diferente. Não é o mesmo que jogar o Estadual. Queremos dar tudo para sair com um bom resultado. Isso é fruto do trabalho. A manutenção do Renato foi a primeira grande contratação da temporada, ele ficando, fica tudo mais fácil, a maioria já conhecia o trabalho dele, já sabe as ideias dele, faz com que tenhamos uma vantagem sobre os outros que tiveram alguma mudança “, comentou Geromel.

Comentários