Pai de jovem paulista sumida no Rio faz apelo: ‘Só vou embora com minha filha’

Daniela Barbosa Batista está sumida desde a tarde do último domingo. Amigos distribuirão cartazes com a foto da paulista

A Polícia Civil fez um cartaz pedindo informações sobre o paradeiro da universitária paulista Daniela Barbosa Batista, de 23 anos Foto:  Reprodução Internet
A Polícia Civil fez um cartaz pedindo informações sobre o paradeiro da universitária paulista Daniela Barbosa Batista, de 23 anos
Foto: Reprodução Internet

Rio – “Espero encontrá-la o mais breve possível. É um apelo que eu faço como pai sofrido”. A declaração de Maurílio de Andrade Batista, retrata a aflição de um pai com o desaparecimento da filha. Ele saiu da cidade de Botucatu, no interior de São Paulo, para ir ao Rio de Janeiro procurar pela universitária Daniela Barbosa Batista, de 23 anos, que sumiu no último domingo. Ela foi vista pela última vez andando desorientada pela região da Lapa.

“Eu quero fazer um apelo a toda população carioca que quem ver essa menina, por favor, entrar em contato urgente com a delegacia. Espero encontrá-la o mais breve possível. É um apelo que eu faço como pai sofrido”, disse ao Bom Dia Rio.

Maurílio disse ter conversado com uma pessoa que encontrou Daniela desorientada e que, em seguida, conversou com a filha. No entanto, depois disso, não soube mais o paradeiro da universitária.

“Eu já fiquei totalmente confuso. Conversei um dez minutos com essa senhora, perguntei em qual local ela estava, o que estava acontecendo e pedi para falar com a minha filha para me certificar que era ela mesma. Ela disse: ‘pai, eu estou desorientada. Não sei aonde estou, não me lembro de nada o que aconteceu'”, relata.

Segundo o pai de Daniela, a única informação que ele sabe da pessoa que encontrou a sua filha que ela é moradora do bairro de Jacarepaguá. “Ela disse que morava em Jacarepaguá, que queria levar a menina para lá. Eu pedi para ela não levar, que eu já iria sair da minha cidade para vir buscar a minha filha. E depois desse momento eu não tive mais notícias dela. Ela não tinha celular, ela não tinha cartão, estava sem dinheiro e não se sabe o carro dela também”, finaliza.

A estudante paulista de pós-graduação em Farmácia na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) desapareceu, na tarde do último domingo. Ela saiu de carro por volta do meio-dia do hostel onde está hospedada em Botafogo, na Zona Sul, e cerca de duas e meia depois o seu pai recebeu a ligação com a filha desorientada e chorando muito.

Maurílio de Andrade Batista, pai de Daniela Barbosa, está no Rio de Janeiro procurando pela filha: 'Espero encontrá-la. É um apelo que eu faço como pai sofrido' Foto:  Reprodução Facebook
Maurílio de Andrade Batista, pai de Daniela Barbosa, está no Rio de Janeiro procurando pela filha: ‘Espero encontrá-la. É um apelo que eu faço como pai sofrido’ Foto: Reprodução Facebook

Na manhã desta terça-feira, o pai e amigos da universitária farão uma panfletagem no Centro, distribuindo cartaz com a foto de Daniela. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Descoberta de Paradeiros (DDPA) e que amigos e familiares da jovem já prestaram depoimento.

O DIA

 

Comentários

comentários