Orla Cultural apresenta os espetáculos Circo Da Imaginação e Sopa De Pedra

O Orla Cultural desta quinta-feira, (30.07), apresenta o Grupo Teatral Unicórnio com as peças de esquete infantil Circo Da Imaginação e Sopa De Pedra. Promovido pela Fundac (Fundação Municipal de Cultura), o projeto começa a partir das 19h30min, no Teatro de Arena da Orla Morena, com entrada gratuita.

De acordo com o diretor do espetáculo, Jair de Oliveira, a apresentação teatral é composta de duas histórias curtas, unindo o folclore e a magia do circo. A intenção é promover um espetáculo para toda a família. O texto e a direção são de Jair de Oliveira, com elenco formado por atores locais.

O projeto Orla Cultural integra as atividades da Fundac que priorizam as políticas culturais que buscam criar mecanismos de incentivo à aproximação de crianças e adultos das linguagens artísticas, levando os espetáculos para os bairros. A iniciativa visa também contribuir para a consolidação de uma comunidade interessada e apta para produzir, interpretar e consumir arte e cultura e a valorização do artista local. O Orla Cultural a cada semana tem uma atração diferente.

SOPA de PEDRA
A peça Sopa de Pedra conta a estória de Pedro Malasartes, conhecido personagem do Folclore que apronta mais uma das suas peripécias. Andando sem rumo por esse mundão de meu Deus, cansado e faminto,resolve pedir ajuda na casa de uma senhora que não se mostra muito disposta aajudá-lo. Pedro resolve então colocar em prática, a receita de uma suculenta Sopa de pedra.

sopa

CIRCO da IMAGINAÇÃO
O esquete Circo da Imaginação apresenta ao público o Elefante Lindinho que realiza números de tirar o fôlego com a participação da plateia, terminando com uma dança que tem um final surpreendente.

circo

Serviço
Projeto Orla Cultural
Circo Da Imaginação e Sopa De Pedra
Duração: 40 minutos.
Data: 30 de julho – quinta-feira
Horário: a partir das 19h30min – entrada gratuita.
Local: O Teatro de Arena da Orla Morena está localizado no Bairro Cabreúva, ao lado da feira livre.

PMCG

Comentários

comentários