Dólar sobe em dia de correção, após recuar na véspera; cotação é de R$ R$3,16

Do G1

O dólar opera em alta frente ao real nesta quarta-feira (19), num leve movimento de correção – quando os investidores compram a moeda por estar mais barata, na intenção de lucrar no futuro – após a forte queda recente que levou a cotação ao patamar de R$ 3,15 na véspera.

Às 9h19, a moeda norte-americana avançava 0,14%, vendida a R$3,1600.

A possibilidade de ingresso de recursos para a abertura de capital de empresas e a leitura de que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, não tenha sucesso em implementar medidas de estímulo, no entanto, podem conter o avanço da moeda, segundo a Reuters.

O Banco Central realiza nesta sessão novo leilão de até 8,3 mil swaps cambiais tradicionais, equivalentes à venda futura de dólares, para a rolagem dos contratos que vencem em agosto.

O dólar fechou em queda pelo terceiro pregão seguido, de volta ao patamar de R$ 3,15, seguindo o enfraquecimento da moeda norte-americana no exterior após Trump sofrer nova derrota no Congresso e em meio ao ambiente político doméstico mais calmo.

O dólar recuou 0,82%, a R$ 3,1554 na venda, depois de ter ido a R$ 3,1534 na mínima do dia. Em três pregões, acumulou perdas de 1,65%.

Comentários